• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Crédito do Cartão Prato Cheio do mês de fevereiro foi liberado

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2022

Cerca de 40 mil famílias em vulnerabilidade social estão com crédito de R$ 250,00 disponível na conta. O valor total liberado para pagamento deste mês ficou em R$ 10 milhões

A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) liberou nesta quarta-feira (23) o crédito de R$ 250,00 para cerca de 40 mil famílias em vulnerabilidade social atendidas pelo Cartão Prato Cheio. Com o recurso já disponível na conta para utilização, os beneficiários podem comprar alimentos no comércio local, ir ao supermercado e escolher os produtos que a família precisa. O valor total liberado para pagamento deste mês ficou em R$ 10 milhões.

Criado em 2020, durante a pandemia da covid-19, o Prato Cheio garante crédito mensal por seis meses para dar suporte às famílias em situação temporária de insegurança alimentar. Não é um programa de transferência de renda. Para renovar o benefício, as famílias precisam passar por uma nova avaliação da equipe socioassistencial.

“Você que é beneficiário do programa já pode se dirigir a um mercado e tem o poder de escolha do que a sua família vai se alimentar. Nesses dois anos, mais de 130 mil famílias já foram assistidas pelo Prato Cheio. Só em janeiro foram 6,8 mil novas inclusões”, destaca a secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha.

Vale lembrar que o cartão não está habilitado para a função saque e só pode ser utilizado nos comércios de produtos alimentícios. “O diferencial desse programa é a autonomia das famílias, é a oportunidade de as mães escolherem os alimentos que os filhos gostam. Citei as mamães porque, no DF, há muitas mulheres que são chefes de família. Esse, inclusive, é um dos critérios de prioridade do programa: atender as famílias monoparentais chefiadas por mulheres com crianças de até 6 anos, com pessoas com deficiência ou idosas”, pontua a gestora.

Também têm direito ao Cartão Prato Cheio pessoas com renda familiar igual ou inferior a meio salário mínimo por pessoa da família, que se encontrem em situação de insegurança alimentar e sejam moradoras do DF, inscritas no Cadastro Único ou no Sistema Integrado de Desenvolvimento da Sedes, e pessoas em situação de rua, acompanhadas por equipes da assistência social e em processo de saída de rua.

“Mas é importante que as famílias façam uma lista, avaliem as necessidades para que o crédito possa, de fato, atender a alimentação daquela família”, enfatiza Mayara Rocha.

Recomendação que a moradora de Ceilândia, Claudiana de Assis Paes, 36 anos, segue à risca. “O Prato Cheio ajuda demais, é um auxílio muito importante para minha família. É com esse dinheiro que consigo comprar o leite das crianças, o arroz, feijão e muitas outras coisas, como frutas e verduras”, conta a dona de casa, mãe de dois filhos.

Prato Cheio

O Cartão Prato Cheio foi criado ainda no início da pandemia da covid-19 para substituir a entrega de cestas básicas in natura, que passaram a ser levadas em domicílio apenas em caráter emergencial. Para solicitar o benefício, é preciso agendar atendimento em alguma unidade do Centro de Referência de Assistência Social (Cras), pelo site da Sedes ou pelo telefone 156, opção 1.

Têm direito ao benefício cidadãos que, com renda familiar igual ou inferior a meio salário mínimo por pessoa, se encontrem em situação de insegurança alimentar e sejam moradores do DF, com a devida inscrição no Cadastro Único ou no Sistema Integrado de Desenvolvimento da Sedes.

A prioridade é para as famílias monoparentais chefiadas por mulheres com crianças de até 6 anos, bem como aquelas que têm na composição pessoas com deficiência (PCDs) ou idosas. Também é priorizado o atendimento a pessoas em situação de rua, acompanhadas por equipes da assistência social e em processo de saída dessa condição.


https://agendacapital.com.br/

Leia Mais....

Conselheiros Tutelares Reconhecidos

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2022

 A Câmara Legislativa aprovou na tarde desta terça-feira (22) o projeto de lei n° 2.536/2022, do Executivo, que reajusta a remuneração dos conselheiros tutelares do DF para R$ 6.510,00 a partir de 01 de março deste ano. O projeto foi aprovado pelo Plenário em primeiro e segundo turnos com 18 votos favoráveis e segue para sanção ou veto do governador.


"Olhei para a galeria da CLDF e aplaudi todos os conselheiros e conselheiras. O trabalho deles não é fácil e de extrema importância para a sociedade. O reajuste salarial foi uma conquista justa. A categoria sabe que, desde o ano passado, converso com várias autoridades do governo para tornar o aumento realidade. E hoje, tudo se concretizou", disse emocionado o deputado Agaciel Maia autor da emenda que garantiu o aumento aos conselheiros tutelares do DF.

Leia Mais....

Bolsonaro defende candidatura de Datena ao Senado por São Paulo

 Em conversa com apoiadores, Bolsonaro disse acreditar que o jornalista seria competitivo na disputa pela cadeira do Senado Federal


O presidente Jair Bolsonaro (PL) defendeu nesta terça-feira, 22, a candidatura do apresentador de TV José Luiz Datena ao Senado pelo Estado de São Paulo. Em conversa com apoiadores, Bolsonaro disse acreditar que o jornalista seria competitivo na disputa.

“Eu já conversei com o Datena. Eu sei que todo mundo tem crítica a um candidato ou outro, mas você não tem opção”, afirmou Bolsonaro, ao ser questionado por apoiadores sobre as críticas do apresentador a ele. “Você não pode procurar santo, não tem santo. Sempre temos um defeito.”

O presidente disse ver “potencial” em Datena e afirmou que, se lançar um candidato que não seja competitivo, “outra pessoa vai levar”. Bolsonaro chegou a sugerir no mês passado que a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, poderia concorrer ao Senado por SP, mas a titular da pasta prefere disputar o cargo pelo Amapá.

Atualmente sem partido, Datena tem um histórico de anunciar pré-candidaturas a cargos públicos, mas desistir de última hora. Em 2020, quando estava filiado ao MDB, quase se lançou a prefeito de São Paulo e chegou a ser considerado para a vice de Bruno Covas, do PSDB, que foi eleito e morreu de câncer no ano passado. Em 2018, no DEM, desistiu de pleitear uma vaga no Senado. Dois anos antes, filiado ao PP, também considerou uma candidatura à Prefeitura de SP. Até 2015, Datena era filiado ao PT.

No Estado de São Paulo, o candidato a governador apoiado por Bolsonaro será o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, que deve se filiar ao PL. Ex-apoiadores do presidente tentaram conseguir o aval dele para o pleito eleitoral em São Paulo, mas sem sucesso. Foi o caso da deputada estadual Janaína Paschoal (PSL), que pretende se candidatar ao Senado, e do ex-ministro da Educação Abraham Weintraub, que deve se lançar ao governo do Estado.

https://jornaldebrasilia.com.br/

Leia Mais....

Irmãos da primeira-dama Michelle Bolsonaro assinam filiação no PL-DF

 

Dois irmãos da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, assinaram hoje (22) ficha de filiação ao PL-DF. Carlos Eduardo Antunes Torres e Diego Torres Dourado deverão compor a base evangélica e bolsonarista do partido em Brasília.

O ato foi sacramentado pelo presidente nacional do PL, Valdemar Costa Neto, e pela presidente regional do partido, a ministra-chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, Flávia Arruda.

Com a entrada de Jair Bolsonaro no PL, aliados do presidente têm procurado a legenda para também se filiarem.

No evento, o deputado distrital Roosevelt Vilela também entrou no PL. Ex-aliado do ex-governador Rodrigo Rollemberg, ele deixou o PSB, partido pelo qual se elegeu em 2018.


https://agendacapital.com.br/i

Leia Mais....

Carnaval 2022: GDF mantém restrição e fará cerco a festas clandestinas no período carnavalesco

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2022

 


Segundo Ibaneis Rocha, número de mortos e pressão na rede pública de saúde para o tratamento de pacientes com Covid-19 seguem em alta no DF. Foto: Reprodução.

De acordo com o governador Ibaneis Rocha, número de mortos e pressão na rede pública de saúde para o tratamento de pacientes com Covid-19 seguem em alta no DF

Por Redação

O governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), descartou qualquer flexibilização dos protocolos sanitários contra Covid-19 no Carnaval, mesmo após a queda na taxa de transmissão a 0,98 – registrada na sexta-feira (18/2). Além disso, o chefe do Executivo local planeja intensificar a fiscalização contra festas clandestinas durante o feriado prolongado.

O número 1 do Palácio do Buriti divulgou o posicionamento nesta segunda-feira (21/2), após a entrega da ampliação de Centro Interescolar de Línguas (CIL) no Riacho Fundo 1 e da inauguração de outra unidade no Riacho Fundo 2.

Ibaneis considera que o número de mortos e a pressão na rede pública de saúde para o tratamento de pacientes continuam elevadas. “Ainda é muito cedo para a gente tratar disso. Estamos com um número muito alto de internações, em que pese a taxa (de transmissão) esteja reduzindo e se mantendo”, comentou.

Segundo Ibaneis, os órgãos de controle deverão intensificar as ações de fiscalização contra as festas clandestinas. “A fiscalização é constante. A gente tem tentado manter o máximo possível. E a gente vai incrementar nesses dias de Carnaval. Para que a gente possa ter tranquilidade. E que a gente não tenha uma elevação nos números da Covid”, assinalou.

Em um evento em Santa Maria no dia 16/02, o governador afirmou; “O resultado está acontecendo, a taxa de transmissão está diminuindo e a gente espera, em breve, anunciar para todos vocês, a redução das medidas restritivas”, disse o governador.

“Nós temos de trabalhar o máximo possível para que a gente não tenha um aumento do número de contaminação. Porque a rede pública não aguenta mais tanta pressão. E a gente precisa cuidar da saúde das pessoas”, completou.

De acordo com Ibaneis, o DF vem recebendo regularmente novos lotes de vacina do Ministério da Saúde. Mas a campanha de vacinação enfrenta outro desafio: parte do público apto para a terceira dose não compareceu aos postos para receber o reforço da imunização.


https://agendacapital.com.br/

Leia Mais....

SAÚDE DOS PEQUENOS

terça-feira, 15 de fevereiro de 2022

O deputado distrital Agaciel Maia (foto) tem uma ligação forte com o Hospital da Criança de Brasília. 

 

Desde a fundação, o parlamentar destina emendas para o local, conhecido por atender crianças portadoras de câncer e hemopatias. Já foram quase R$ 14 milhões direcionados para a unidade. O primeiro neuronavegador do DF foi adquirido com esses recursos. O equipamento permite realizar exames com precisão nos pequenos pacientes. 



https://jornaldebrasilia.com.br/


Leia Mais....

Adélio culpa PT em novo depoimento à PF, diz Anonymous

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

O grupo hacker Anonymous afirmou que teve acesso a um depoimento do responsável pelo atentado a faca contra o presidente Jair Bolsonaro, Adélio Bispo. Conforme a página, Adélio afirmou que foi contratado pela campanha de Haddad no PT.

A busca por um responsável sobre quem seria o mandante do crime sempre foi uma das maiores cobranças de Bolsonaro com a Polícia Federal. Recentemente, o caso foi reativado por não possuir explicações suficientes.

 

As informações foram publicadas inicialmente em revistas de esquerda, como a Fórum e a Brasil 247.


https://www.dfmobilidade.com.br/

Leia Mais....

Gilvan Máximo tentará se eleger deputado federal, mas no caminho tem Júlio César

 

O bispo JB Carvalho, acompanhado de outros líderes religiosos e membros da Comunidade das Nações, esteve reunido nesta segunda-feira (14/2) com o secretário de Ciência e Tecnologia do DF, Gilvan Máximo, para manifestar apoio a sua pré-candidatura a deputado federal nas eleições deste ano.

E haja oração, porque não será tarefa fácil eleger Gilvan Máximo nestas eleições. Em 2014, ele perdeu eleição para deputado federal em Goiás e agora disputará no DF com o atual deputado federal Julio Cesar, o protagonismo dentro do REPUBLICANOS na disputa eleitoral à Câmara dos Deputados.

O presidente do REPUBLICANOS-DF, Wanderley Tavares apóia Máximo, enquanto a Igreja Universal apoia Cesar.

O partido vai tentar eleger os dois.

https://donnysilva.com.br/

Leia Mais....

CEOF aprova projetos que beneficiam policiais civis

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2022

 



 

A Comissão de Economia, Orçamento e Finanças (CEOF) aprovou hoje dois projetos de lei que beneficiam os policiais civis do Distrito Federal. Os projetos em questão são o PL n° 2515/2022, que estabelece a suplementação do auxílio alimentação da categoria, no valor de R$ 392, e o PL n°2516/2022, que institui o auxílio uniforme de natureza indenizatória aos policiais civis, no valor de R$ 3000. Ambos os projetos foram relatados pelo deputado Agaciel Maia (PL) e receberam 4 votos favoráveis e 1 abstenção da deputada Júlia Lucy (Novo).

 

Embora tenha pontuado que a categoria é importante para o DF e merecedora dos benefícios, a distrital questionou a oportunidade das medidas. “Sinto um oportunismo nessas propostas, visto que estamos em ano eleitoral e há vedação legal expressa de concessão de qualquer tipo de benefício neste período. Não podemos permitir que o orçamento seja usado para campanha eleitoral”, criticou.

 

A deputada proferiu seu voto pela abstenção, alertando para o risco de se beneficiar apenas uma categoria. “Tenho receio da revolta que isso pode acarretar na população que também sofre com a inflação e com o desemprego. Empresários do DF foram abandonados na pandemia e nem mesmo empréstimo no BRB eles conseguiram, sem falar nos profissionais de saúde que sofrem diretamente os efeitos da pandemia. Quando o governo manda dinheiro para um lugar, é preciso tirar de outro. Parece que esta Casa vive numa bolha, às vezes me sinto sozinha nessa reflexão”, desabafou.

 

Agaciel Maia garantiu que os projetos estão contemplados na lei orçamentária e ressaltou que a proibição de concessão de benefícios é de seis meses antes da eleição. “As matérias têm respaldo jurídico e, além do mais, não se trata exatamente de benefício, mas sim de reajuste de perdas inflacionárias no auxílio alimentação e concessão de natureza indenizatória aos policiais que adquiriram equipamentos de proteção individual”, disse.

 

Para o deputado Iolando (PSC), o reajuste para apenas uma categoria pode gerar reivindicações de vários outras. “Temos mais de 32 categorias de servidores públicos no DF e praticamente todas estão sem reajuste há muitos anos. Acho que o governo fez bem em encaminhar este projeto para a Polícia Civil, mas agora as outras categorias também vão pressionar para serem atendidas”, ponderou.

 

O deputado Guarda Janio (PROS) votou favorável aos projetos, mas aproveitou para reivindicar benefícios também para os policiais militares e bombeiros. “Todos têm direito aos benefícios. Inclusive já discutimos isso com o governador e há um entendimento do governo para também contemplar os policiais militares e bombeiros”, afirmou. Também participaram da reunião os deputados Valdelino Barcelos (PP) e Daniel Donizet (PL).

 

Outros dois projetos também foram aprovados hoje pela CEOF. Um deles é o PLC n° 103/2021, que altera a lei que institui o Fundo de Modernização, Manutenção e Reaparelhamento dos Órgãos de Auditoria de Atividades Urbanas e de Fiscalização e Inspeção de Atividades Urbanas (Fundafau).

 

O outro é o PLC n° 104/2021, que altera a lei que institui o Fundo de Aprimoramento do Controle Interno do DF (Pró Controle Interno). Todos os projetos aprovados pela CEOF seguem em tramitação na Casa até serem votados pelo Plenário.

 

https://www.tudooknoticias.com.br/

Leia Mais....

Mourão confirma candidatura ao Sena

 


Ele ainda examina trocar de partido, abandonando o nanico PRTB

 

O vice-presidente Hamilton Mourão confirmou nesta sexta-feira (11) que irá mesmo disputar vaga no Senado pelo Rio Grande do Sul, nas eleições de outubro.

Ele confirmou sua candidatura ao chegar para o trabalho usando uma máscara onde se via a bandeira do Rio Grande do Sul e resp ao ser perguntado pelos jornalistas se aqui confirmava sua candidatura.

A decisão será “comunicada brevemente” de forma oficial, admitindo também redefinir sua filiação partidária. Ele é filiado ao PRTB, mas tem convites de outros partidos.

Assumindo a candidatura a senador, Mourão deve fechar chapa com o candidato bolsonarista ao governo gaúcho, que deve ser o atual ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni. O senador Luis Carlos Heinze (PP-RS) também pleiteia a candidatura.

https://www.tudooknoticias.com.br/

Leia Mais....

O Brasil precisa de Magno Malta de volta ao Senado

 

https://donnysilva.com.br/ 
Leia Mais....

Santa Maria completa 29 anos e ganha escola técnica para 1,5 mil alunos

 


Foto: Divulgação

Quando concluída, a Escola Técnica de Santa Maria terá 12 salas de aula, laboratórios, depósitos de materiais, secretaria, recepção, sala de professores, diretoria, salas de coordenação, auditório e biblioteca.

Por Redação

Santa Maria completa, nesta quinta (10), 29 anos de fundação. Para presentear a região administrativa, o Governo do Distrito Federal (GDF) trabalha com a meta de, em breve, entregar a tão esperada escola técnica da cidade, que recentemente atingiu a marca de 50% de conclusão das obras. A unidade terá mais de 5,5 mil m2 e vai beneficiar cerca de 1,5 mil estudantes.

Os trabalhos são executados com um investimento de cerca de R$ 12,9 milhões do GDF, com a contratação de centenas de funcionários. No momento, os operários têm como  foco a construção da estrutura e alvenaria, além da instalação da parte elétrica e hidráulica. Ao fim dessa etapa, os operários vão se concentrar nos serviços de acabamento, com a colocação dos revestimentos e pisos. Estima-se que o local esteja pronto para funcionamento em setembro.

Quando concluída, a Escola Técnica de Santa Maria terá 12 salas de aula, laboratórios, depósitos de materiais, secretaria, recepção, sala de professores, diretoria, salas de coordenação, auditório, biblioteca, bloco de serviços e vivências com refeitórios e vestiários para funcionários, além de uma quadra poliesportiva coberta. O modelo segue o padrão do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

O coordenador regional de ensino de Santa Maria, Claudiney Formiga, conta que foram escolhidos quatro cursos, dois na área de tecnologia e dois na de saúde, após seis audiências públicas realizadas. “Ter essa estrutura traz esperança de qualificação para a comunidade, e isso traz um impacto imediato na melhora da vida e no social da comunidade”, avalia.

“Essa é uma obra muito boa, que traz progresso para a nossa cidade”, comemora a administradora de Santa Maria, Marileide Romão. “A comunidade foi ouvida, e isso é muito importante. Fortalece e ajuda nossos jovens e faz nossa cidade crescer.”

Os cursos serão oferecidos nos três turnos: matutino, vespertino e noturno. Além de atender à comunidade de Santa Maria, a construção do colégio também vai beneficiar a região vizinha do Gama e cidades do Entorno, como Novo Gama (GO) e Valparaíso (GO).

Inaugurada em fevereiro de 2021, a Escola Técnica de Brazlândia foi construída por meio de um aporte de cerca de R$ 15 milhões e tem capacidade para 1,4 mil estudantes. Assim como em Santa Maria, a Escola Técnica do Paranoá também está sendo construída. No local, o investimento é de mais de R$ 12 milhões.

História da cidade

O Núcleo Rural Santa Maria permaneceu como área rural de Gama até 1992, quando a Lei nº 348/92 e o Decreto nº 14604/93, desanexaram o território, criando a região administrativa de Santa Maria.

Sua criação está vinculada ao Programa de Assentamento de Famílias de Baixa Renda, em lotes semiurbanizados. O governo do Distrito Federal loteou uma área do Núcleo Rural Santa Maria e transferiu os moradores das invasões do Gama e das demais localidades do Distrito Federal. Santa Maria é composta de área urbana, rural e militar.

Na área rural, estão os Núcleos Rurais Alagado e Santa Maria, onde predominam as atividades de agropecuária e a exploração de jazidas de cascalho.

Na área militar, está localizado o Centro de Instrução e Adestramento de Brasília- CIAB, pertencente ao Ministério da Marinha.

O nome Santa Maria originou-se do nome do rio que existia no local com nome de rio Santa Maria.

https://agendacapital.com.br/

Leia Mais....

Covid-19: "Terceira onda veio com muita violência", afirma Ibaneis

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2022

 

Licitação foi lançada para que a abertura dos leitos seja feita o mais rápido possível. A previsão é que a disponibilização para o público seja feita em dez dias

As UTIs da rede pública do DF chegaram a 100% de lotação -  (crédito: Geovana Albuquerque/Agência Saúde-DF)As UTIs da rede pública do DF chegaram a 100% de lotação - (crédito: Geovana Albuquerque/Agência Saúde-DF)O governador Ibaneis Rocha (MDB) falou, nesta quarta-feira (9/2), sobre a abertura de leitos destinados a pacientes com covid-19 no Hospital da Polícia Militar (HPM). O objetivo é que eles possam ser abertos o mais rápido possível para diminuir as filas de espera. De acordo com o chefe do executivo, nesta terça-feira (8/2) uma licitação foi lançada para que a abertura aconteça. 

“O secretário está bastante empenhado para que a gente conclua o mais rápido possível. Hoje nós temos reunião com o sindicato das empresas hospitalares privadas para ver se conseguimos mais leitos”, destacou Ibaneis.

A previsão é que, nos próximos dez dias, o HPM já esteja com os leitos abertos e em funcionamento para a população. "Estamos empenhados na abertura de mais leitos para atender a população nessa terceira onda, que veio com muita violência e que tem internado muitas pessoas", disse o governador. 

https://www.correiobraziliense.com.br/

Leia Mais....

Cartão Creche ajudará 20 mil crianças e vai atender entidades privadas

 

Secretaria de Desenvolvimento Econômico lançou chamamento público para cadastramento de instituições interessadas em aderir ao programa

Mãe e filho de coloRafaela Felicciano/Metrópoles

O Governo do Distrito Federal (GDF) pretende oferecer o Cartão Creche para 20 mil crianças em 2022. Nesta quarta-feira (9/2), a Secretaria de Desenvolvimento Econômico lançou chamamento público para credenciamento de creches privadas.

O edital de convocação consta no Diário Oficial do DF (DODF). “A estimativa para 2022 é o suprimento de vagas para 20 mil crianças em creches de todo o Distrito Federal”, destacou a convocação.

A proposta da pasta é credenciar instituições para o acolhimento de crianças entre 4 meses e 3 anos. Até o final de 2021, o benefício apoiava aproximadamente 4 mil pequenos.

https://www.metropoles.com/

Leia Mais....

Fundo garante recursos para viabilizar a Universidade do Distrito Federal

 


O primeiro campus da UnDF fica no CA do Lago Norte; prédio está recebendo obras de melhoria | Foto: Divulgação/Ascom AR Lago Norte

Investimentos na universidade serão escalonados ano a ano e estão previstos em R$ 200 milhões para os próximos quatro anos

Por Redação

O Governo do Distrito Federal (GDF) deu mais um grande passo para a consolidação da política de educação superior pública distrital com a publicação do Decreto nº 42.987/22, que dispõe sobre a criação do Fundo da Universidade do Distrito Federal (FunDF). O investimento na universidade está previsto em R$ 200 milhões para os próximos quatro anos.

A medida decorre da promulgação, em novembro de 2021, da Emenda à Lei Orgânica nº 123/21. O objetivo foi garantir os recursos necessários à estruturação da Universidade do Distrito Federal Professor Jorge Amaury Maia Nunes (UnDF), apoiando financeiramente obras, projetos, pesquisa e inovação atrelados ao desenvolvimento institucional da nova universidade.

O FunDF será mantido pelo Poder Executivo e tem dotação orçamentária mínima atrelada à Receita Corrente Líquida do Distrito Federal, nos termos do artigo 240-A da Lei Orgânica do Distrito Federal (LODF).

Isso significa que os investimentos serão escalonados, ano a ano, com as seguintes porcentagens sobre a Receita Corrente Líquida do DF: 0,08%, em 2022; 0,15%, em 2023; 0,2%, em 2024; 0,3%, em 2025.

A partir de 2026, o percentual mínimo da RCL do DF a ser destinado para o FunDF será de 0,08%. O fundo deverá contar, ainda, com fontes adicionais de recursos, como valores decorrentes das aplicações do fundo em operações ativas; contribuições e doações de pessoas físicas ou jurídicas, entidades e organismos de cooperação nacionais ou internacionais; demais receitas ou recursos, desde que alinhados ao objetivo do FunDF.

Conforme definido pelo decreto, são finalidades do FunDF:

I – Desenvolver a política de educação superior pública distrital por meio do financiamento de projetos relacionados a tal fim;

II – Expandir a oferta de cursos da UnDF, no âmbito do Distrito Federal e Entorno;

III – Fomentar e implementar projetos de ensino, pesquisa, extensão e cultura alinhados com as diretrizes de atuação da Universidade;

IV – Contribuir com a elaboração, o planejamento e a avaliação das políticas de desenvolvimento regionais;

V – Incentivar a formação de recursos humanos para o desenvolvimento de ensino, pesquisa e extensão, inclusive em relação à formação continuada dos corpos docente e técnico-administrativo da UnDF;

VI – Financiar os programas de assistência estudantil;

VII – Custear, integral ou parcialmente, bolsas de estudo internas e/ou voltadas ao intercâmbio de estudantes, docentes e servidores;

VIII – Permitir a construção e manutenção de obras necessárias à infraestrutura da universidade;

IX – Incentivar e implementar projetos voltados à inovação e ao desenvolvimento tecnológico no Distrito Federal;

X – Fazer pagamentos, firmar contratos e realizar processos licitatórios em prol de projetos necessários à implementação da UnDF;

XI – Apoiar demais programas e intervenções na forma aprovada pelo Conselho Administrativo;

XII – Desenvolver outras atividades, desde que relacionadas ao objetivo do fundo.

Novo campus

O primeiro campus da UnDF já tem endereço certo. O espaço fica no CA do Lago Norte e recebeu, nesta semana, a visita técnica da reitora pro tempore da UnDF, Simone Benck, do administrador do Lago Norte, Marcelo Ferreira, e do presidente da Novacap, Fernando Leite, para qualificação e revisão da infraestrutura.

As obras para melhoria do prédio estão a todo vapor. O campus pretende ofertar educação superior pública aos moradores de áreas como Paranoá, Paranoá Parque, Itapoã, Sobradinho, Planaltina, Varjão e Granja do Torto, além de áreas rurais localizadas na ponta norte do DF.

A UnDF atuará de forma multicampi e multiespacial, aproveitando espaços subutilizados pela administração pública e privilegiando as localidades que possuem menor acesso à educação superior pública.

A Novacap, em parceria com a Administração do Lago Norte, fará a limpeza das áreas externas, recuperação das calçadas e pátios, além do serviço de jardinagem. O custeio da obra para melhoria do prédio foi realizado pela Secretaria de Educação do DF.

Cursos oferecidos

A Lei Complementar nº 987/2021, que autoriza a criação e define as áreas de atuação da UnDF e dá outras providências, define, em seu Artigo 7°, que a UnDF poderá atuar em todos os campos do conhecimento, cujas áreas de excelência interessem aos seus programas e projetos.

A ênfase será nas áreas de Ciências Humanas, Cidadania e Meio Ambiente; Gestão Governamental de Políticas Públicas e de Serviços; Educação e Magistério; Letras, Artes e Línguas Estrangeiras Modernas; Ciências da Natureza e Matemática; Educação Física e Esportes; Segurança Pública e Defesa Social; Engenharias e áreas tecnológicas de setores produtivos; Arquitetura e Urbanismo e Ciências da Saúde.

A sanção da lei que autorizou a criação da UnDF foi assinada em julho de 2021 pelo governador Ibaneis Rocha. Na ocasião, o chefe do Executivo anunciou também a realização de concurso público, a cessão de um imóvel no Lago Norte, que já passa por melhorias para funcionamento inicial da universidade, e o projeto para construção de um prédio na área do Parque Tecnológico (Biotic), que também será destinado às instalações acadêmicas.

Acesso

O acesso aos cursos já ofertados pela UnDF, bem como aos que ainda serão criados, deverá ser feito por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), do Ministério de Educação. A fim de contemplar as diretrizes institucionais de atendimento prioritário a localidades do Distrito Federal e Entorno com menor acesso à educação superior pública, a UnDF atenderá a toda a legislação de reserva de vagas.

Das vagas, 40% serão destinadas a alunos que concluíram a educação básica integralmente na rede pública. A cota racial, prevista na lei distrital nº 3.788/2006, também será atendida.

O nome da UnDF é uma justa homenagem ao professor Jorge Amaury Maia Nunes, importante defensor da criação da UnDF, que faleceu em julho de 2021, vítima da covid-19.

https://agendacapital.com.br/

Leia Mais....

Banco Central cria novo site para consulta de ‘dinheiro esquecido’; saiba como acessar

 


Volta do serviço para consultar possíveis “dinheiros esquecidos” em bancos ocorrerá dia 14 de fevereiro

Por Redação

Após falhas pelo excesso de demanda na consulta do Sistema Valores a Receber (SRV), a nova ferramenta do BC ganha site exclusivo. O site valoresareceber.bcb.gov.br estará disponível para consulta a partir de 14 de fevereiro. A estimativa é que haja cerca de R$ 8 bilhões disponíveis para 24 milhões de pessoas e empresas.

De acordo com o Banco Central, caso a pessoa encontre algum valor “esquecido no banco”, ela precisará pedir a transferência a partir de 7 de março.

Lançado pelo BC em janeiro, o SRV permite que cidadãos e empresas consultem se têm algum dinheiro “esquecido” a receber em bancos e demais entidades do sistema financeiro.

“O Banco Central recomenda que o cidadão volte ao site valoresareceber.bcb.gov.br na data informada. Caso não compareça nessa data, o cidadão terá que fazer uma nova consulta para receber uma nova data para pedir o resgate”, informa.

O BC reforça ainda que o cidadão não resgate o valor na data indicada, ele não perderá o direito sobre os valores em seu nome. “As instituições financeiras guardarão esses recursos pelo tempo que for necessário, esperando até que o cidadão solicite a devolução”.

Bancos e instituições financeiras só poderão entrar em contato com clientes que tenha, montantes a receber após o mesmo acessar o sistema (ou se já o acessou nos dias 24 e 25/01) e somente no caso de pedir o resgate sem indicar uma chave Pix.

No segundo caso, a instituição não poderá solicitar dados pessoais ou senhas do cliente.

Passo-a-passo para resgatar os valores esquecidos:

  • Abra o valoresareceber.bcb.gov.br a partir do dia 14/02;
  • Use seu CPF ou CNPJ para consultar se você tem valores a receber;
  • Caso positivo, guarde bem a data que o sistema vai lhe informar;
  • Se você ainda não tiver login Gov.br, faça seu cadastro gratuito no site ou pelo App Gov.br (Google Play e App Store). Você vai precisar de um cadastro Gov.br nível prata ou ouro para solicitar os recursos. Não será possível acessar o sistema com login Registrato;
  • Volte aqui (valoresareceber.bcb.gov.br) na data informada e use seu login Gov.br para acessar o sistema, saber qual o valor disponível e solicitar sua transferência;
  • Se você perder sua data de resgate, venha aqui (valoresareceber.bcb.gov.br) em outro dia e o sistema vai informar uma nova data para retorno.

Fique atento para não cair em golpes pela internet:

  • O único site para consulta e solicitação desses valores é valoresareceber.bcb.gov.br;
  • O Banco Central não envia links nem entra em contato com você para tratar sobre valores a receber ou para confirmar seus dados pessoais;
  • Ninguém está autorizado a entrar em contato com você em nome do Banco Central ou do Sistema Valores a Receber;
  • Portanto, nunca clique em links suspeitos enviados por e-mail, SMS, WhatsApp ou Telegram;
  • Não faça qualquer tipo de pagamento para ter acesso aos valores.

Quem não tem Pix pode receber?

Sim. Basta informar seus dados pessoais ao banco para que ele entre em contato e informe como será a forma de pagamento.

É possível consultar valores em bancos que faliram?

Não, pois a ação de pagamento de valores só é realizada por entidades supervisionadas pelo BC. Quando ocorre a falência, a instituição deixa de ser supervisionada pelo BC.

Dá para receber valores de outras pessoas?

Isso só é possível através do Fale Conosco do BC. Você terá que informar a documentação comprovando que você tem procuração para representar essa pessoa.

Caso seja comprovado que há valores disponíveis, o banco enviará um relatório informando o procedimento para recebê-los.

https://agendacapital.com.br/

Leia Mais....

PMDF terá concurso público com previsão de 2,1 mil vagas para soldado

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2022

 

A estimativa que o ingresso para os aprovados na Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) ocorra em setembro de 2023

Homem com farda da Polícia Militar de costas e carros no trânsito ao fundoRafaela Felicciano/Metrópoles

A Secretaria de Economia do Distrito Federal autorizou a realização de concurso público com estimativa de 2,1 mil vagas para soldado da Polícia Militar do DF (PMDF). As informações aparecem publicadas no Diário Oficial do DF (DODF) desta quinta-feira (3/2).

A previsão é que o ingresso para os aprovados na corporação ocorra em setembro de 2023.

Com a publicação no DODF, informações e atos relativos ao concurso passam a ser de responsabilidade da PMDF.

FONTE: https://www.metropoles.com/

Leia Mais....
 
PASTOR RONNE DO GAMA DF © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot