• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Novo secretário de Trabalho do DF já foi acusado de lesar o erário em R$583 mil por compra de pães

quarta-feira, 22 de janeiro de 2020
Thales Mendes Ferreira é o novo secretário de Trabalho do Distrito Federal. Ele estava, desde 2019, ocupando o cargo de superintendente do Arquivo Público do DF. A nomeação foi publicada no Diário Oficial do DF (DODF) desta terça-feira (21/01/2020). A Secretaria recupera autonomia após meses de fusão provisória com a pasta da Educação.
Mas Thales, sempre ligado no ex-governador José Roberto Arruda, já foi alvo de denúncia em 2018, quando era secretário-adjunto de Desenvolvimento Social do governo de Rodrigo Rollemberg. Ele fazia parte de um grupo investigado por suposto prejuízo de R$ 583,7 mil ao erário. A quantia refere-se à compra de pães para o Programa de Fortalecimento das Famílias de Baixa Renda (Pró-Família) em 2010, quando atuava na SEDEST, no governo de Arruda. O processo em que consta o nome de Thales e outras três pessoas no TCDF, é de número 12.549/2013.
Segundo fontes, Arruda e Robério Negreiros ficaram muito felizes com a nomeação hoje de Thales. Em contrapartida, a deputada distrital Jaqueline Silva (PTB) não gostou da decisão do governador Ibaneis Rocha (MDB). Ela, que tem como bandeira o trabalho, aguardava  que pudesse indicar uma pessoa de seu grupo político para comandar a Secretaria de Trabalho. As conversas com o Buriti eram nesse sentido. A relação entre a deputada, que também é presidente do PTB-DF, e o governador Ibaneis Rocha, ficou tensa nesta terça.
A nomeação de Thales revela que Arruda (réu no processo de desvio de dinheiro público do Estádio Nacional)  e Negreiros andam dando as cartas no Buriti e que alguns deputados são apenas coadjuvantes do atual governo. Que coisa sinistra!!!
 
BLOG DO PASTOR RONNE © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot