• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Programa Jovem Candango entrega mais 700 diplomas

sexta-feira, 6 de dezembro de 2019

 Em comemoração à conclusão de aprendizagem no Programa Jovem Candango 2019, foi realizada, na tarde desta sexta-feira (6), sessão solene no Auditório da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF). Perto de cinco mil jovens (4.900) já participaram do programa. Durante a sessão, foram entregues mais 700 diplomas, já que, em agosto último, totalizaram 1.108 diplomas distribuídos aos formandos das instituições Rede Nacional de Aprendizagem, Promoção Social e Integração (Renapsi) e Obras Sociais do CEF Jerônimo Candinho.
O principal objetivo do programa, que completou cinco anos, é ampliar as oportunidades do primeiro emprego aos estudantes de 14 a 18 anos de idade, que estejam cursando as últimas séries dos ensinos fundamental e médio. O governador em exercício Paco Britto voltou a afirmar que o Jovem Candango será ampliado e dará mais oportunidades aos jovens brasilienses.
Na opinião do Paco Britto, o programa é referência para todo o país, por dar dignidade aos jovens. “O que a juventude precisa é de oportunidades para trilharem caminhos de sucesso. Temos que pensar não apenas no presente, mas, também no futuro desses adolescentes. Esse programa tem essa intenção: preparar o jovem para o mercado de trabalho, visando um futuro promissor, longe das ruas e da criminalidade”, ressaltou.
Idealizador da Lei 5.216/2013, que cria o Programa Jovem Candango no Distrito Federal, o presidente da Comissão de Economia, Orçamento e Finanças da CLDF, deputado distrital Agaciel Maia, explicou a iniciativa. “Os jovens têm a oportunidade de ingressarem no mercado de trabalho por meio de contratação em órgãos públicos do GDF, com carteira assinada, recebendo um salário mínimo, vale transporte e alimentação e os demais direitos trabalhistas”, destacou.
Para o deputado, a homenagem visa incentivar, reconhecer e motivar os alunos que se empenham no estudo e no trabalho, estimulando o processo de ensino e aprendizagem. Referendando as palavras do governador em exercício, ele garantiu que não só manterá o programa, mas que pretende ampliá-lo.
O secretário da Juventude, Léo Bijos, adiantou que enviará, nos próximos dias, uma minuta de decreto, visando aumentar recurso do Orçamento para atender mais jovens. “Os jovens de 15 a 29 anos representam um terço da população do DF, 800 mil, portanto. É uma fatia (da sociedade) esquecida, colocada de lado. Por isso, existem programas como esse ou como, por exemplo, o de estágio nas empresas privadas e vários outros”, explicou.
Compôs também a mesa Daniel Maia, do Força Jovem; além da diretora da Renaps, Aline Ferreira; a coordenadora e assistente social do Instituto Jerônimo Candinho, Gislaine Medeiros, e os alunos João Victor Rodrigues e Maria Eduarda Cardoso, do Instituto Jêronimo, e Camila Maia Rodrigues, do Renaps.
Os participantes assistiram a um vídeo com depoimento positivo, no ano passado, de um ex-aluno do programa.




 NOSSOGAMA.COM.BR
COM INFORMAÇÕES DA AGÊNCIA BRASÍLIA
 
BLOG DO PASTOR RONNE © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot