Sindicato discutiu principais pleitos da categoria em reunião com Izalci (Fotos: Arquivo Pessoal)
Na manhã desta segunda, 21, o Sinpol-DF se reuniu com o senador Izalci Lucas (PSDB), vice-líder do governo no Senado. Além de tratarem da recomposição salarial dos policiais civis do Distrito Federal – pauta central do encontro –, os diretores esclareceram a diferença de regime jurídico em relação a outras carreiras.
Durante a conversa, o parlamentar informou que esteve reunido com o presidente Jair Bolsonaro (PSL). Na ocasião, o chefe do Executivo federal voltou a afirmar que, após a aprovação da Reforma da Previdência, irá tratar da recomposição salarial.
Na mesma reunião, os diretores ressaltaram também a necessidade de um maior suporte do Estado à saúde dos policiais – uma vez que a contratação de planos de saúde privados tem comprometido grande parte da renda desses servidores.
Conversa com parlamentar incluiu recomposição salarial, Reforma da Previdência e saúde dos policiais civis do DF
O sindicato cobrou, ainda, critérios mais justos para a aposentadoria policial frente à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 06/2019. Segundo a diretoria, tendo em vista que todos os policiais colocam suas vidas em risco em defesa da sociedade, o tratamento para todas as forças de Segurança Pública deve ser similar.
O senador afirmou que o governo federal adotou um modelo de reforma para os servidores civis e outro para os militares. Izalci pontuou também que a proposta de reforma da previdência já deve ser votada em 2º turno nesta terça, dia 22.
A diretoria do Sinpol-DF, por outro lado, continua buscando com interlocutores outras reuniões junto ao governo local e federal. Como norte para essa articulação, diversas melhorias para a categoria policial civil, sobretudo a recomposição salarial.