• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Promessa feita promessa cumprida, esse é Agaciel Maia

quinta-feira, 8 de novembro de 2018

Um Parlamentar competente e que olha por sua cidade e para a saúde. Recentemente o senhor Eugênio Piedade, foi procurado pela servidora do Senado Federal Poliana Souza, para fazer chegar ao conhecimento do deputado sobre um pleito de interesse do Hospital Materno Infantil -(HMIB), Eugênio Piedade levou o assunto ao conhecimento de Agaciel que prontamente se colocou a disposição para conhecer o programa mais detalhadamente.
No dia 15 de agosto Agaciel Maia compareceu ao Hospital Materno Infantil (HMIB), sendo muito bem recebido pelo diretor Dr. João Rocha Vilela e Dra. Rosaly Rulli Costa, onde apresentaram o Programa Reprodução Assistida, um dos programas de reprodução mais antigos do país, que completará 20 anos em agosto, e é um dos únicos a arcar integralmente com o tratamento (remédios, exames e cirurgias) informaram também que no momento estariam com o projeto parado por falta de recursos, bem interessado e solidário Agaciel informou que a principio destinaria um recurso através de emenda Parlamentar no valor de R$ 150.000,00 para custear as despesas ainda neste ano de 2018.
Hoje 07/11/2018 o Deputado Agaciel Maia informa que o referido recurso acaba de ser liberado pelo governo na data de 06/11/2018.
Relembrando sobre o Programa:
O Programa é coordenado pela Drª Rosaly Rulli e Brasília tornou-se referência nesse tema. O Hospital Materno Infantil (Hmib) executa um dos programas de reprodução mais antigos do país, que completou 20 anos em agosto, e é um dos únicos a arcar integralmente com o tratamento (remédios, exames e cirurgias).
Mais de 300 bebês já nasceram com ajuda do projeto comandado pela Drª Rulli. A taxa de sucesso é de 35%, número considerado satisfatório para um hospital-escola, como o Materno Infantil de Brasília. São feitos 60 ciclos de fertilização e inseminação por mês, ao custo de R$ 12 mil a R$ 15 mil cada para os cofres públicos. “Na rede privada, sairia por R$ 30 mil, algo inacessível para a maior parte da população”, ressalta a coordenadora.
Um dos problemas, entretanto, é o tempo na fila. Há 1.100 casais aguardando atendimento. Em média, são quatro anos de espera. Por isso, é importante planejar-se para ser beneficiado. Os servidores públicos Talita Menezes, 33 anos, e Fabrício Menezes, 36, entraram na fila do Hmib quando descobriram que ela tinha endometriose. A doença pode causar esterilidade.
Resultado de imagem para Rosaly Rulli
Dra. Rosaly Rulli Costa, possui graduação em MEDICINA pela Universidade Federal do Pará (1972). Atualmente é Chefe do Serviço RH/UGO (REPRODUÇÃO HUMANA/UNIDADE DE GINECOLOGIA E OBSTETRÍCIA) – Secretaria de Saúde do Distrito Federal.


Fonte: EG NEWS
 
BLOG DO PASTOR RONNE © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot