• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Ibaneis Rocha prega parceria com Legislativo e começa a articular emendas ao Orçamento

quarta-feira, 31 de outubro de 2018


O governador eleito Ibaneis Rocha (MDB) esteve na Câmara Legislativa do Distrito Federal nesta terça-feira (30). A visita provocou a suspensão da sessão ordinária, marcada pela presença de centenas de pessoas nas galerias do plenário. Na tribuna, o emedebista defendeu parceria com todos os deputados, sejam eles da base, da oposição ou de postura independente. Aos presentes na galeria, muitos em busca da aprovação de projeto que prorroga a validade de concurso da carreira socioeducativa, Ibaneis elogiou o pleito e disse pretender contratar todos os concursados.
O presidente da Casa, deputado Joe Valle (PDT), elogiou a visita do governador eleito e ressaltou a independência entre os poderes. Já o deputado Raimundo Ribeiro (MDB) destacou: “É a primeira vez que um governador eleito e não empossado faz questão de vir à Casa”.
Ibaneis passou mais de uma hora em reunião fechada com os deputados. O objetivo é começar a discutir emendas ao projeto da Lei Orçamentária Anual (LOA) para 2019, de forma a alinhar o texto às propostas de seu governo. Um dos projetos de interesse do governador eleito é a universidade distrital, que, segundo adiantou, conta com recursos insuficientes para o próximo ano.
Ibaneis Rocha disse ter saído “bastante otimista” da reunião. De acordo com ele, foram discutidas propostas importantes para a cidade, como o projeto da Lei de Uso e Ocupação do Solo (LUOS) – que, conforme o presidente Joe Valle, deve ser votado em dezembro próximo. Ibaneis elogiou, ainda, a disposição do presidente da Comissão de Economia, Orçamento e Finanças (CEOF), Agaciel Maia, de ajudar com as alterações necessárias à LOA.
Secretariado – O governador eleito anunciou alguns nomes que devem integrar o seu governo. Ericka Filippelli (MDB) – nora de Tadeu Filippelli, também do MDB – foi anunciada como secretária da Mulher. “O convite foi feito e ela disse que aceitaria”, afirmou. Ibaneis apontou, ainda, o nome de Izídio Santos Júnior, do Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon-DF), para chefiar a Secretaria de Obras do DF, confirmando o que já havia dito pelo vice-governador eleito Paco Britto (Avante).
Perfil – Tendo conquistado quase 70% dos votos válidos nas urnas no domingo último (28), o advogado Ibaneis Rocha é o sétimo governador eleito por votação direta no DF. O novo governante nasceu em Brasília em 1971, mas passou a infância no interior do Piauí. Foi presidente da seccional do Distrito Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) entre 2012 e 2015. Está no segundo casamento, tem dois filhos e espera o nascimento do terceiro para o final deste ano, antes da posse como governador, marcada para o dia 1º de janeiro na Câmara Legislativa.                                                    http://www.tudooknoticias.com.br
Leia Mais....

Moaci Moura é lembrado por moradores do Gama para administrar a cidade

terça-feira, 30 de outubro de 2018



 Vários  nomes surgem na cidade do Gama como prováveis indicados ao cargo de administrador da cidade. Moura como é conhecido por todos  é bastante influente na comunidade por ser um líder comunitário engajado e respeitado pelos moradores. Morador do Gama há mais de 40 anos e conhecedor dos problemas que a cidade enfrenta ele afirma que com a sua capacidade e honestidade não seria difícil trabalhar e fazer a cidade crescer e desenvolver. 
Olho nele Ibaneis.
Leia Mais....

Sindicalistas se reúnem para definir lista tríplice para Secretaria de Saúde do DF


Reunião de entidades de classe na sede do SindEnfermeiro-DF. Foto: Fernanda
Por Delmo Menezes
Na noite desta segunda-feira (29) na sede do Sindicato dos Enfermeiros do DF, entidades de classe ligadas a saúde, se reuniram para avaliar os rumos da Secretaria de Saúde do DF, e apresentar propostas para equipe de transição de governo. Na oportunidade foi defendido pelos representantes dos sindicatos, conselhos e associações, a definição de uma lista tríplice para escolha do futuro secretário de saúde, que serão apresentados ao governador eleito Ibaneis Rocha (MDB).
Segundo o deputado distrital eleito, Jorge Vianna (Podemos), “o objetivo da reunião é começarmos a construir com as entidades de classe ligadas à Saúde, um nome de consenso para apresentar ao governador eleito Ibaneis Rocha”, afirmou.
De acordo com o diretor do SindEnfermeiro, Márcio da Mata, “é a primeira vez na história da Secretaria de Saúde, que um evento desse porte reúne todos os sindicatos, conselhos e associações para definição de nomes para a Secretaria de Saúde do Distrito Federal“, relatou.
A ideia da indicação do secretário, partiu do próprio governador eleito Ibaneis Rocha, que em evento no Clube da Saúde do DF, afirmou que o nome do futuro secretário de saúde, seria escolhido pelos próprios servidores, representados pelos sindicatos e associações.
O ex-secretário de Saúde, Fábio Gondim, que participou do encontro, explicou que “o maior gasto de um governo é com a Saúde. Não pensem que alguém vai chegar para o secretário de Fazenda e pedir mais dinheiro, porque não vai funcionar“, disse.
Márcio da Mata, Gutemberg Fialho, Dayse Amarílio e Jorge Vianna. Foto: Fernanda (SindEnfermeiro).
De acordo com o presidente do Sindicato dos Médicos do DF, Gutemberg Fialho, “o importante é definirmos o que nós queremos e o que não queremos. Temos que resgatar a autoestima dos servidores da saúde“, destacou. O sindicalista concorreu a Câmara Legislativa do DF com votação expressiva.
Dayse Amarílio, presidente do SindEnfermeiro-DF. Foto: Fernanda
Para a presidente do Sindicato dos Enfermeiros do DF, Dayse Amarílio, “o encontro foi muito proveitoso, pois foi unanimidade entre as diversas entidades da saúde ali representadas, que o futuro secretário tenha um perfil multidisciplinar“, afirmou.
No final do encontro, o deputado eleito Jorge Vianna (Podemos), agradeceu a presença de todos e declarou que é muito importante neste momento de construção, a união de todos. Segundo Vianna, “o próximo secretario de saúde seja lá quem for, deverá se reunir com os diversos sindicatos, conselhos e associações, para juntos trabalharmos em prol de uma saúde pública de qualidade, e que os servidores assim como os usuários do SUS, tenham seus direitos respeitados”, concluiu.
Médico e ex-diretor do HRAN, Adriano Ibiapina. Foto: Agenda Capital
Participaram da reunião: Dayse Amarílio (Sindicato dos Enfermeiros do DF), Gutemberg Fialho (Sindicato dos Médico do DF), João Cardoso (Sindicato dos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem do Distrito), Etieno Sousa (Sindicato dos Agentes de Vigilância Ambiental em Saúde e Agentes Comunitário de Saúde do DF), Jeovânia Silva (Sindicato dos Odontologistas do DF), Cláudio Pedro (Sindicato dos Médicos Veterinários), Marcos Rogério (Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde de Brasília), Ubiratan (Sindicato dos Técnicos em Radiologia), João Alves (Sindicato dos Biomédicos do DF), Conselho Regional de Técnicos em Radiologia (CRTR), Gilcilene Maria dos Santos (Conselho Regional de Farmácia),  Marcos Feitosa (Conselho Regional de Enfermagem), Elisandro (Conselho Federal de Farmácia), Maroa Santiago (Clube da Saúde do DF) e Rodrigo (Conselho Regional de Administração – CRA-DF).

Da Redação do Agenda Capital
Leia Mais....

Delegados vão eleger nesta quarta-feira lista tríplice para direção-geral da Polícia Civil


Publicado em CB.Poder
ANA MARIA CAMPOS
Em assembleia nesta tarde (29/10), delegados definiram o calendário para a eleição da lista tríplice que será encaminhada ao governador eleito Ibaneis Rocha (MDB) com indicações para a direção-geral da Polícia Civil do Distrito Federal. Quem quiser concorrer deve se candidatar até amanhã (30;10) e a votação ocorrerá quarta-feira (31/10), das 9h às 19h, no Clube da Adepol.
Até agora, 10 delegados se colocaram na disputa. São eles:
Victor Dan (23ª DP/Ceilândia)
Maurílio Rocha (6ª DP/Paranoá)
Gilberto Maranhão (SSP)
Laércio Rossetto (2ª DP/Asa Norte)
Fernando Cocito (12ª DP/Taguatinga)
Sérgio Bautzer (27ª DP/Recanto das Emas)
Robson Cândido (11ª DP/Núcleo Bandeirante)
Anderson Espíndola (SSP)
Benito Tiezzi (Sindepo)
Moisés Martins (1ª DP/Asa Sul)
Cada delegado poderá votar em três nomes. Em seguida, a lista será encaminhada a Ibaneis. O governador eleito prometeu respeitar a vontade da categoria. Mas o Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol) também pretende eleger uma lista com indicações de delegados para a direção-geral.
A apuração dos votos ocorrerá logo depois da votação.
Leia Mais....

Começa articulação na Câmara Legislativa para eleição da Mesa Diretora

Entre os governistas, há três nomes. Ibaneis Rocha prometeu ficar de fora das negociações


Passadas as eleições gerais, o foco dos distritais recém-emplacados pela capital recai sobre a disputa pela Mesa Diretora da Câmara Legislativa, em 1º de janeiro de 2019. Por ora, ao menos cinco nomes são ventilados para a Presidência. Todos detém experiência na Casa. No páreo, estão Claudio Abrantes (PDT), Rafael Prudente (MDB), Reginaldo Veras (PDT), Rodrigo Delmasso (PRB) e Roosevelt Vilela (PSB). O número tende a reduzir, para que as composições sejam viabilizadas, uma vez que alguns deputados integram o mesmo grupo políticoPara o clareamento do cenário, precisa-se definir qual governista concorrerá: Abrantes, Prudente ou Delmasso. A escolha é necessária para evitar um racha na base do chefe do Palácio do Buriti recém-eleito Ibaneis Rocha (MDB) e, consequentemente, a diminuição das chances de vitória. Se o emedebista cumprir a promessa de não interferir na disputa do Legislativo local, os distritais terão de tomar a decisão entre si.Apesar de integrar o PDT, partido que participou da chapa à reeleição do governador Rodrigo Rollemberg (PSB), Abrantes, que rompeu com o socialista em meados de 2017, declarou, logo ao início da campanha, apoio a Ibaneis, devido à garantia do emedebista de concessão da paridade salarial da Polícia Civil com a Federal e de pagamento da terceira parcela do reajuste do funcionalismo público. Antes de embarcar de vez na articulação pela Presidência da Câmara, o parlamentar deve passar alguns dias no Goiás e na Bahia.

No segundo mandato, Prudente teve o nome ventilado por ser o único distrital eleito pelo MDB. O parlamentar ainda teve desempenho favorável na corrida eleitoral, com 26.373 votos. Abertamente, o emedebista nega o engajamento na disputa pela Presidência. Contudo, trabalha pela candidatura.

Delmasso tenta se cacifar para a corrida pelo comando da cúpula do Legislativo local com o apoio de parte da bancada evangélica. O distrital colocou o nome à disposição em nome de “um projeto de fortalecimento de mandatos”. “Faríamos isso com uma gestão transparente, ligada à ética e a moralidade”, pontuou. Enfrenta resistência, contudo, em setores do plenário que discordam das bandeiras dele e seu partido, o PRB, ligado à Igreja Universal do Reino de Deus.
 
 

Independência

Correligionário de Rollemberg, Roosevelt Vilela lançou o próprio nome ao grupo de distritais recém-eleitos que não integram a base de Ibaneis Rocha. “Há a ideia de termos um representante dos estreantes. Mas tudo depende do cenário geral. Nada nos impede de prosseguir ou recuar”, pontuou. Eleito pela primeira vez de forma direta, o socialista chegou a assumir o mandato na Câmara Legislativa nesta legislatura, à época em que Joe Valle (PDT) se licenciou para assumir a Secretaria de Trabalho.

Com a terceira maior votação para o Legislativo local e um discurso de independência, Reginaldo Veras engajou-se na disputa. Para decolar, no entanto, a candidatura precisa ser discutida com o correligionário Claudio Abrantes, dada a inviabilidade de dois representantes do mesmo partido no confronto. O PT, dos distritais eleitos Arlete Sampaio e Chico Vigilante, não lançará nomes à corrida pela Presidência.                                                                      https://www.correiobraziliense.com.br/
Leia Mais....

IBANEIS É O PRIMEIRO GOVERNADOR NO DF ELEITO COM MAIS DE 1 MILHÃO DE VOTOS



Por Bombeiros DF
Neste domingo(28) Ibaneis Rocha(MDB) foi eleito governador do Distrito Federal.
A apuração dos votos deste segundo turno, neste domingo (28/10), confirmou as tendências verificadas pelas pesquisas decretando a vitória do emedebista, estreante na política que teve ascensão meteórica ao longo da campanha. Ele ficou à frente do governador e candidato à reeleição, Rodrigo Rollemberg(PSB).
Ibaneis ao mesmo tempo que foi eleito, conseguiu outro feito inédito ser o primeiro governador do DF com mais de 1 milhão de votos, que totalizaram 69,79% dos votos válidos.  
http://www.bombeirosdf.com.br/
Leia Mais....

Bolsonaro Sinaliza Intenção De Nomear Sérgio Moro Como Ministro Da Justiça

“Se houver interesse da parte dele será uma pessoa da extrema importância”, disse, em sua primeira entrevista após ser eleito presidente


(foto: Patrícia de Melo Moreira e Ricardo Moraes/AFP)
Em sua primeira entrevista após ser eleito presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL) manifestou o desejo de convidar o juiz federal Sérgio Moro para assumir o Ministério da Justiça. Moro foi o responsável por pedir a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Questionado sobre a possibilidade de nomear Moro para o Supremo Tribunal Federal (STF), Bolsonaro foi além: “pretendo sim, não só para o STF, mas quem sabe, até para o Ministério da Justiça. Se houver interesse da parte dele será uma pessoa da extrema importância”, disse o presidente eleito à TV Record.
Ainda sobre seu ministeriado, Bolsonaro reafirmou os três nomes que já estão confirmados (Onix Lorenzoni na Casa Civil, Paulo Guedes na nova pasta da Economia e o general Augusto Heleno na Defesa) e disse que a indicação do astronauta Marcos Pontes para a Ciência e Tecnologia estava “por detalhes”.
Em relação ao STF, o presidente eleito afirmou que sua ideia de nomear 11 ministros “ficou no passado”. “Tem que ver o contexto, o momento em que isso foi dito. Eu pensei que era uma maneira de ter um tribunal isento, mas percebi que estava embarcando em uma ideia equivocada”, disse. “Conversarei com o presidente do STF e tenho certeza que teremos uma convivência extremamente harmônica”, acrescentou.

Polêmicas

Na entrevista, o capitão reformado falou ainda de algumas propostas polêmicas que ele apresentou durante a campanha, como a revisão do estatuto do desarmamento: “tem que respeitar a vontade popular, que no governo PT foi desrespeitada”. O presidente eleito falou em conceder a posse definitiva para os cidadãos, a fim de evitar o que ele chamou de “IPVA das armas” e defendeu também uma flexibilização no porte de armas. “Por que um caminhoneiro não pode ter arma de fogo?”, questionou. “Com isso, aliado ao excludente de ilicitude, a bandidagem vai diminuir. Se tiver alguém furtando seu estepe, ele vai dar um exemplo para a bandidagem. Vai atirar, mas não vai responder. Vai diminuir a violência no Brasil, com toda certeza”, completou.
Questionado sobre se, com a posse, as armas não poderiam ser levadas para as ruas, o presidente eleito afirmou que, “se for pensar dessa forma, vamos probir de dirigir um carro”: “Quem tem arma vai ser responsabilizado por ela”. Bolsonaro também foi contundente a respeito de outro tema, cujas suas opiniões são polêmicas: o Movimento dos Trabalhadores Ruras Sem Terra (MST). Segundo ele, as ações do movimento serão tipificadas como “terrorismo”: “Movimento social que invade, que depreda, como é o MST, não tem que conversar”.
Sobre o vice da chapa, general Mourão, Bolsonaro descartou a possibilidade de ele ser um “vice decorativo” — expressão que ganhou força ao ser usada por Michel Temer ao se referir à sua relação com a então presidente Dilma Rousseff. “Falei que ele é general, eu sou capitão, mas nós dois somos soldados do Brasil”, disse, em meio a elogios e esclarecendo que faltava a Mourão “a malícia para conversar com a imprensa”. “Mais do que um vice, ele será um conselheiro nosso. O Brasil pode ter certeza de que tem um vice ao meu lado que quer o bem do país”, acrescentou.

Relação com o Congresso

O presidente eleito abriu a entrevista dizendo que a “oposição é sempre bem-vinda”, mas que espera não enfrentar uma “oposição pela oposição”. “Vamos governar para 208 milhões de pessoas, não apenas para quem votou em mim. O Brasil está mergulhado na mais profunda crise ética, moral e econômica e não vai ser uma pessoa ou partido que vai mudar essa situação. Precisamos de todos”, afirmou.
Bolsonaro disse ainda que não pretende interferir na eleição para a Presidência da Câmara e que chegou a pedir a seu partido, o PSL, que tenha “humildade” e aceite deixar o cargo com outras siglas, a fim de facilitar a negociação com a Casa. Deputado por 28 anos, o presidente eleito também criticou os líderes partidários que se comportam, por vezes, como “líderes sindicais” e afirmou que, se for preciso, pedirá apoio “individualmente” a cada deputado. Sobre os candidatos derrotados na eleição presidencial, Bolsonaro disse “estar pronto para conversar com qualquer um deles”.

Economia

Uma das prioridades do novo governo, segundo Bolsonaro, será o corte de gastos. O presidente eleito falou em diminuir ministérios, cargos em comissão, gastos com cartões corporativos e viagens em aviões da Força Aérea Brasileira e disse que pretende “governar pelo exemplo”.
As privatizações foram outro tema tratado na entrevista. Bolsonaro afirmou que sua prioridade serão as estatais deficitárias — incluindo a TV que “dá traço ou zero em audiência” (ele não especificou, contudo, se falava da NBR ou de toda a Empresa Brasil de Comunicação). “Se não for função do Estado, vamos, com responsabilidade, partir para a privatização”, disse o presidente, que ainda defendeu o teto de gastos.
Em relação ao comércio exterior, Bolsonaro destacou a conversa que teve com os presidente estrangeiros — todas “protocolares” — e reafirmou as declarações de Paulo Guedes em relação ao Mercosul: “Queremos dar a devida estatura a ele. Temos que nos livrar de algumas amarras”.
Fonte: Correio Braziliense
Leia Mais....

Délio Lins E Silva Jr. Registra Chapa Independência Na Ordem Ele Concorrerá Com Número 20 À Presidência Da OAB/DF

Agora começou a corrida oficial: Délio Lins e Silva Jr. registrou na tarde dessa segunda-feira (29) a chapa Independência na Ordem, sob o número 20, com a qual irá concorrer à presidência da OAB/DF nas eleições de novembro.
Délio foi acompanhado e festejado por um grupo de quase 100 advogados que acompanharam seu movimento e, a partir de agora, fazem parte da Chapa oficial da candidatura. Gritando alternadamente o nome de Délio, o da chapa e o número 20, eles quebraram a rotina do protocolo da Seccional do DF ao comemorar alto a cada registro efetivado.
A candidata a Vice-presidente é a advogada Cristiane Damasceno Leite Vieira – uma mulher, em respeito ao compromisso de Délio de dar mais espaço às lideranças femininas na OAB/DF.  Especialista em Direito Processual Penal, ela é ligada aos direitos humanos, com reconhecido trabalho em políticas públicas, e também professora do Centro Universitário de Brasília (CEUB) e do Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP).
Para Secretário-geral o candidato de Délio será Márcio de Souza Oliveira, com Andrea Saboia Fonseca como Secretária-geral adjunta e Paulo Maurício Braz Siqueira como Tesoureiro.
Na Caixa de Assistência da OAB/DF, o candidato à presidência é Eduardo Uchôa Athayde, com Mauro Júnior Pires do Nascimento como Vice, Karlos Eduardo de Souza Mares como Secretário-geral, Aline Cristina de Melo Franco e Oliveira como Secretária-geral adjunta e Ana Carolina Franco Costa de Carvalho Rodrigues como Tesoureira.
Para o Conselho Federal da OAB, a chapa Independência na Ordem virá com Francisco Caputo, Daniela Teixeira e Vilson Marcelo Malchow Vedana como titulares, além de Ticiano Figueiredo de Oliveira, Rodrigo Badaró Almeida de Castro e Raquel Bezerra Cândido Amaral Leitão como suplentes.
“Montamos um verdadeiro jogo de xadrez para garantir que a nossa chapa seja de fato plural, inclusiva e representativa dos advogados, como defendemos em toda a pré-campanha”, pontuou Délio para o grupo após o registro no protocolo da Seccional. “Não é uma chapa de amigos. Cada um de vocês que aqui está representa um nicho muito importante para confirmar esses princípios e a Independência que tanto almejamos para a Ordem. Não vamos permitir, de forma alguma, que nossa Casa sirva de anexo para o Buriti!”, assegurou ele em discurso ao grupo, em frente ao prédio da OAB/DF                    
http://donnysilva.com.br/
Leia Mais....

Nota de Repúdio as Fakes News - COPEV-DF

sexta-feira, 26 de outubro de 2018
"O COPEV-DF está ciente dos requisitos básicos do jornalismo. Checar os fatos ou a idoneidade do meio que os divulga é algo de extrema importância em nossos dias, onde as Fakes News ( divulgação de notícias falsas) já se revelaram um problema, sobretudo nas redes sociais" , enfatiza Chancerley Santana que é coordenador geral do Conselho de Pastores Evangélicos do DF.                                 NOSSOGAMA.COM.BR 

Leia Mais....

Movimento Advocacia Mais Forte reúne 200 advogados no Gama


Cerca de 200 advogados participaram na noite desta quarta-feira (24) do lançamento do Movimento Advocacia Mais Forte, do pré-candidato à presidência da OAB/DF, Délio Lins e Silva Jr., no Gama. O encontro, realizado no restaurante Supremo, também marcou o anúncio dos pré-candidatos à direção da Subseção do Gama – Viviane Moura, para a presidência, e Rubens Curcino, para a vice.
Advogada trabalhista e professora universitária, natural e moradora do Gama, Viviane destacou ser a primeira mulher do Movimento a encarar concorrer como cabeça de chapa de uma Subseção. “Délio nos abriu esse espaço e vamos aproveitar, temos capacidade, coragem e apoio dos colegas da região para mudar a situação de desrespeito atual que atravessamos nas delegacias e fóruns do Gama e Santa Maria. Queremos lutar para que a Advocacia seja novamente respeitada”, anunciou ela.
Viviane criticou o tratamento dispensado pela atual gestão da Seccional do DF aos advogados da região. “É uma gestão vaidosa e que não tem compromisso com os advogados das Subseções, muito menos com os do Gama e Santa Maria. Preocupa especialmente nesse cenário a situação dos jovens que estão iniciando na profissão. Queremos menos promoção pessoal e mais trabalho e respeito para conosco, afinal, aquela casa é nossa também, temos que ter alguém lá que lute por nós – esse é o meu compromisso e a minha causa nessa candidatura”, afirmou.
O pré-candidato a vice-presidente da Subseção, Rubens Curcino, declarou estar seguro de que Délio irá trazer a tão requisitada autonomia administrativa e financeira para o Gama. “Nós temos muitas ideias que podem ser implantadas aqui, como a instalação de um Conselho próprio, possibilitando que os processos envolvendo os advogados da região sejam julgados na Subseção, por quem conhece a realidade diária de advogar no Gama e Santa Maria”, propôs. “Esse tipo de mudança fortalece a advocacia, construindo uma OAB que representa de fato os advogados – como Délio e o Movimento estão buscando”.
Délio reafirmou o compromisso de garantir independência e autonomia às Subseções. Mas aproveitou para denunciar o abuso do poder político da atual administração, que chegou ao cúmulo de inaugurar uma placa de estacionamento para gestante: “Por isso também estamos combatendo o uso da máquina da Seccional nas eleições, especialmente nas Subseções. Já fizemos várias representações denunciando essa prática pela atual gestão e faremos tantas mais quanto necessário”, comprometeu-se ele. “Os advogados são cada vez mais maltratados nas delegacias, nos fóruns e Tribunais, nos gabinetes de juízes, inclusive no Gama. A nossa luta é para recuperar o respeito e a conscientização pela sociedade de que, sem nós, a justiça não anda. Nós somos o instrumento para que a cidadania e a dignidade da pessoa humana sejam respeitadas – e a OAB que queremos precisa voltar a ser a instituição referencial desses valores”.                                                                                                         http://advocaciamaisforte.com.br
Leia Mais....

Carta de Agradecimento a população do Gama

quinta-feira, 25 de outubro de 2018
Olá amigos do Nosso Gama estou muito grato com o apoio que nossa cidade me deu nesta eleição . Sou Allan Freire tenho 30 anos e moro no Gama desde os 04 anos de idade , nasci em uma família simples de 04 irmãos sendo meu pai pedreiro e minha mãe empregada doméstica , chegamos no Gama para morar de favor e nesta cidade eu e minha família construímos tudo o que somos hoje. Graças a Deus hoje sou advogado e todos os meus irmãos possuem nível superior. Neste ano de 2018 iniciei a realização de um sonho que era poder representar nossa cidade e melhorar a vida das pessoas através da ferramenta política e fui candidato a deputado distrital. Meu nome foi muito bem aceito em uma campanha simples consegui chegar a incrível marca de 3.375 votos. Agradeço a cada voto recebido e honrarei com muita dignidade e respeito a população. Estou a disposição da cidade para ser uma voz forte e buscar melhorias para o nosso Gama. Meu número é (61) 981010406. Grande abraço e que Deus nos abençoe.


nossogama.com.br 
Leia Mais....

Retornando para agradecer eleitores

terça-feira, 23 de outubro de 2018
A rotina da campanha eleitoral ainda não acabou para o deputado distrital Agaciel Maia (PR-DF). Reeleito distrital com 17.715 votos, o oitavo mais votado do DF, ele agora promete percorrer as cidades  para agradecer a votação recebida . “É muito importante voltar às cidades onde fiz campanha e agradecer. É um novo jeito de fazer política. O eleitor que me confiou seu voto fez isso de modo consciente, porque acredita nos meus projetos e se identifica com o meu perfil", afirma o deputado. Citando a parábola dos dez leprosos curados por Jesus Cristo, dos quais apenas um retornou para agradecer (Lucas 17:11/19o deputado Agaciel Maia percorrerá várias cidades agradecendo aos seus eleitores.
 "Um muito obrigado é o mínimo que eu posso dizer aos meus eleitores", afirma o deputado.      


 nossogama.com.br / pastor Ronne do Gama
Leia Mais....

Após temporal em Vicente Pires, cratera engole caminhonete. Veja vídeos!

Caminhonete é engolida por cratera em Vicente Pires. Foto: Divulgação
As fortes chuvas deixaram as ruas alagadas na região administrativa, que virou um verdadeiro mar de lama
Por Luísa Guimarães
Durante as fortes chuvas desta terça-feira (23/10), uma caminhonete foi engolida por cratera que se abriu na Rua 4 de Vicente Pires. Desde a semana passada, com o fim da estiagem, relatos de inundação, alagamentos e quedas em buracos mostram a dimensão do caos enfrentado pelos moradores da região.
De acordo com dados preliminares, duas pessoas estavam no veículo. Os vídeos (veja abaixo) chocam e mostram o risco que as vítimas correram. Não há ainda informações de feridos.
Foto: Divulgação.
Em outras ruas, a situação também é dramática. O militar José Geraldo Pereira, 43 anos, mora desde 2008 na Rua 10. Ele conta que costuma transitar pelo local, a pé, de bicicleta ou de carro. Mas, com a chegada das chuvas, isto tem se tornado uma tarefa cada vez mais difícil. Segundo ele, as obras de águas pluviais realizadas em Vicente Pires são constantemente interrompidas.
“A Rua 10 está abandonada. Quando começa o período de chuva, param as obras. Eu entendo que o processo é complexo, mas não deveria ser suspenso assim”, queixou-se José Geraldo. “Quando vier um temporal, não sei o que será daqui. E, atualmente, se alguém se arrisca a atravessar a água, essa pessoa pode até morrer”, ressaltou. O morador ainda relata que as vias estão repletas de buracos. “Está intransitável”, define.
Obras necessárias
O administrador regional de Vicente Pires, Charles Guerreiro, diz que o cronograma das obras está sendo cumprido, com previsão de término para 2019. No entanto, nem sempre é possível prosseguir com o trabalho durante o período de chuva, por questões de segurança. “Nestes casos, avançamos na medida do possível”.
“Quem veio para Vicente Pires sabia dos problemas daqui. Somos uma cidade que nasceu de trás para frente. As coisas que acontecem agora — barro, lama, água — aconteciam antes. A diferença é que agora, com as obras, temos a chance de mudar isto”.
Foto: Divulgação
A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Serviços Públicos (Sinesp) informou que as empresas contratadas estão à disposição para intervir emergencialmente, caso necessário, em Vicente Pires. “Essas intervenções têm o intuito de garantir a circulação de pessoas e reduzir transtornos causados por obras e chuvas”, disse, por meio de nota.
A pasta esclareceu também que as obras de infraestrutura são fundamentais para solucionar os problemas de enxurradas e buracos na região. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a previsão é de que ocorram mais pancadas de chuva até o final de semana.
Veja vídeos enviados pelos moradores:

http://agendacapital.com.br/
Leia Mais....

Ibaneis recebe apoio de evangélicos em evento no Arena Hall

domingo, 21 de outubro de 2018
Aconteceu neste sábado (20/10) no Arena Hall em Vicente Pires uma grande reunião com mais de 1.500 Líderes evangélicos de todo o Distrito Federal onde foi decretado o apoio ao candidato ao governo do DF ,  Ibaneis Rocha. O evento foi organizado pela Frente Cristã em Defesa da Família que é coordenada pelo Pastor Chancerley Santana , que também é o coordenador Geral do (COPEV-DF).  "O candidato assumiu uma postura conservadora em favor da família e é contra o aborto , a ideologia de gênero nas escolas a descriminalização das drogas e também nos garantiu ser contra a derrubada de Igrejas", disse Chancerley Santana.

 Além de pastores e líderes evangélicos o evento contou também com a presença de várias autoridades e deputados. Marcaram presença o deputado Júlio Cesar Ribeiro , Celina Leão , Rafael Prudente , Rodrigo Delmasso , o agora eleito Valdelino Barcelos , o empresário Paulo Octávio e Izalci Lucas eleito senador para os próximos oito anos. Pastor Chancerley agradeceu a todos os presentes e coordenadores da Frente Cristã e fez questão de agradecer ao Bispo Rodovalho (Sara Nossa Terra) ao Pr. Adalino do Guará , Pr. Iron da Igreja Batista Shalon , ao Pr. Guerra da Igreja Presbiteriana Renovada , ao Pr. Egmar Tavares da ADEG do Gama , ao Apóstolo Ezequias , ao presidente da (FASCEV) Miro , ao Apóstolo Franclin de Ceilândia e ao Presidente do  (COPEV-DF)) Pr. Josimar Francisco.


















Fonte: Pr. Ronne do Gama / nossogama.com.br
Leia Mais....

Ibaneis Rocha se diz contra o ensino de gênero e sexualidade nas escolas

sábado, 20 de outubro de 2018

Candidato do MDB ao governo do DF acredita que isso pode induzir as crianças a acharem que é 'normal a escolha forçada com explicações'



O emedebista discursou em frente a telão que destacava candidatura dele e de Jair Bolsonaro (PSL)
O candidato do MDB ao Governo do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, deu início a campanha neste sábado (20/10) em encontro com a Frente Cristã. Na reunião, que ocorreu no Arena Hall, espaço de eventos da igreja Sara Nossa Terra, em Vicente Pires, Ibaneis discursou em frente a telão que destacava o nome dele e do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL). O advogado e ex-presidente da OAB/DF assumiu postura mais conservadora e afirmou ser contrário a tratar assuntos de gênero e relacionados a homossexualidade na escola.

O emedebista destacou que tem como valores a defesa da família, e se mostrou contrário ao aborto, a ideologia de gênero dentro das escolas e a descriminalização das drogas. “Quando fui presidente da Ordem (OAB) trabalhei no Distrito Federal pelo respeito e a inclusão das pessoas que tem suas opções, mas a preservação da família ajuda muito para que tenha mais paz na sociedade”, explicou. 




Em cima do altar, Ibaneis discursou ao lado do senador eleito Izalci Lucas (PSDB), e do distrital reeleito Rodrigo Delmasso (PRB), que é pastor da Sara Nossa Terra, e do deputado federal eleito Julio César (PRB), pastor da Igreja Universal. Questionado sobre o telão que destaca nome e número de Bolsonaro, Ibaneis explica que ainda não fechou apoio a candidatura do presidenciável, mas que os seus eleitores estão definindo isso. “80% do nosso eleitorado apoia o Bolsonaro. Fico feliz com essa escolha, mas continuo aguardando um telefonema da equipe do Bolsonaro para dizer o que ele pode fazer por Brasília”, rebateu.                                                                                                               https://www.correiobraziliense.com.br
Leia Mais....
 
BLOG DO PASTOR RONNE © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot