• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

COM VOCÊ / NOSSO GAMA

PMDF É HOMENAGEADA POR SEUS 209 ANOS NA CÂMARA DOS DEPUTADOS

terça-feira, 15 de maio de 2018
As celebrações dos 209 anos da Polícia Militar estão ocorrendo durante todo o mês de maio. Entre os eventos previstos, aconteceu a Sessão Solene proposta pelos deputados federais Alberto Fraga e Izalci Lucas, do partido DEM/DF. A sessão ocorreu na manhã desta segunda-feira (14), no Plenário Ulysses Guimarães da Câmara dos Deputados. 
Na ocasião, além da prestação de reconhecimento a nossa valorosa instituição, alguns militares foram homenageados com certificados pelos relevantes serviços prestados à sociedade. Dentre os homenageados, foi dedicada especial atenção à major Graziela Guedes Salgado e aos sargentos Marcelo Brito Magalhães e Heitor Theodoro da Silva. A mesa foi composta pelos deputados requerentes da solenidade, além de alguns oficiais da PMDF: o coronel Marcilon Bach, chefe do Departamento Operacional; o coronel Willian do Centro de Políticas Públicas, que representou o Comandante-Geral, coronel Nunes; o coronel Arnaldo da Costa Filho, do CPRM e o coronel Edgar Cézar, do 2º CPRO. Cerca de 300 pessoas, entre policiais militares, convidados, jornalistas, servidores da Câmara e até alunos do ensino fundamental, acompanharam a solenidade a fim de comemorar o aniversário da Corporação.
Para inciar a sessão, foi executado o Hino Nacional pela Banda de Música da Polícia Militar do DF e, logo após, a canção da PMDF. Em seguida, a professora e contadora de histórias Nyedja Gennary foi convidada a contar a história da Corporação. Ela o realizou com maestria, prendendo a atenção de todos os presentes, que logo assistiram a um vídeo inconstitucional que narrava diversos aspectos que compõem a Corporação. Dentre os assuntos abordados, os convidados puderam ouvir sobre as diversas ações sociais e as diferentes forças especiais da Polícia Militar que existem para garantir a segurança em todos os meios, lugares e a qualquer tempo, cuidando do maior patrimônio: a vida. “Todos os cursos ministrado no Centro de Capacitação e Informação visam sempre o lado humano das relações, priorizando o melhor atendimento à população. Os núcleos especializados são altamente preparados, o constante treinamento prepara o policial para atender com efetividade as ocorrências de grande potencial ofensivo e, também, da proteção ao meio ambiente. A interação entre comunidade e a Polícia Militar garante a tranquilidade em grandes eventos. Há um especial investimento em tecnologia, com equipamentos de ponta para atingir a excelência e a eficácia nas ocorrências, garantindo sempre um pronto atendimento e transmitindo a confiança”, dizia parte da narração do vídeo institucional produzido no Centro de Comunicação Social da PMDF.
POLICIAIS HOMENAGEADOS
O deputado Izalci afirmou que a Sessão Solene Comemorativa dos 209 anos da Criação da Polícia Militar do DF é sobre o reconhecimento da importância dessa nobre instituição no cenário da Pátria. “Uma homenagem aos nossos amigos e amigas policiais militares que, diariamente, nos protegem e nos socorrem. Para homenageá-los, vamos agraciar três destes colegas e, em nome deles, agradecer a todos pela coragem, dedicação e compromisso, porque mesmo nos momentos mais difíceis e de crise, sabemos que podemos contar com vocês, reconhecendo o quanto são imprescindíveis.”
Os homenageados selecionados pelo deputados são o tenente Herison, o subtenente Clênio e o sargento Arizomar. O tenente Herison de Oliveira Bezerra, com apenas seis anos de serviços prestados na PMDF, recuperou mais de 50 armas, 20 carros produtos de roubou ou de furto, prendeu quadrilhas de roubos e de tráfico de armas, além de mobilizar continuamente a sua equipe na arrecadação de cestas básicas para ajudar as famílias que passam necessidades na comunidade do Sol Nascente.
O subtenente Cleônio Rodrigues de Sousa, do BPRV, tem 30 anos de serviço e, durante esses anos, apreendeu mais de duas toneladas de drogas, prendeu muitos traficantes e homicidas e como recuperou diversos veículos roubados.
O sargento Arizomar Pereira Gonçalves tem 27 anos de carreira policial e inúmeros serviços prestados à população brasiliense. Durante esse tempo apreendeu drogas, armas de fogo e atuou nas prisões de muitos assassinos. Hoje ele atua no Batalhão Ambiental.
O deputado Alberto Fraga iniciou seu discurso afirmando que, em momentos de perigo e medo, algumas pessoas agem da seguinte forma: “invocam a Deus e chamam a Polícia; passado o perigo, esquecem de Deus e xingam a polícia.” O deputado também selecionou três policiais para homenagear. São eles: a major Garziela Guedes, pelos serviços prestados na Câmara dos Deputados; o sargento Marcelo Brito, por atender uma ocorrência com quatro criminosos, onde ele teve que atirar em dois deles; e o sargento Heitor Theodoro, por salvar diversas vidas quando um prédio, em Samambaia, foi tomado por chamas.
O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, apesar da ausência, deixou, em carta, suas considerações ao evento, fazendo referência à história da PMDF.
“Comemora-se nesse treze de maio, os 209 anos da criação da PMDF. O momento corresponde à chegada da Corte portuguesa ao Brasil, evento crucial na história do país. Momento de transferência da Sede do governo português para a mais importante de suas colônias. O fato guarda relevância histórica, e um ano após a instalação da Corte, foi criada a Guarda Real de Polícia, na capital colonial, no Rio de Janeiro. Após sucessivas denominações e finalmente sediada em Brasília, em 1966, consolidou-se a instituição que é hoje a Polícia Militar do Distrito Federal, cujas as funções essenciais, como policiamento ostensivo e preservação da ordem pública estão previstas na Constituição. O poder de Polícia diz respeito ao dever do Estado de submeter o interesse individual ao interesse coletivo, aí incluído o cerceamento legal dos direitos à liberdade e à propriedade. No caso específico da PMDF, sua missão é promover a segurança e o bem-estar social por meio da prevenção e repressão imediata da criminalidade e da violência, sempre em respeito à lei, aos direitos humanos e à participação comunitária. Não se pode deixar de valorizar o desempenho da Corporação, sempre atentos ao crivo da lei, aos direitos humanos e às exigências físicas, psicológicas e materiais do exercício funcional. A PMDF vem correspondendo, em larga medida, às legítimas expectativas da sociedade de Brasília e das Regiões Administrativas. A Câmara dos Deputados, portanto, atendendo a requerimento dos nossos colegas, homenageia com deferência à PMDF.”
 http://www.pmdf.df.gov.br
 
BLOG DO PASTOR RONNE © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot