• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Chapa de Rollemberg pode até sair, mas PPS resiste

quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018
Chapa de Rollemberg pode até sair, mas PPS resiste
Rodrigo Rollemberg (PSB) e Roberto Freire (PE). Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil
Rodrigo Rollemberg tenta viabilizar a chapa dos sonhos: o governador tucano Geraldo Alckmin para presidente, com um vice do PSB; enquanto em Brasília vislumbra Maria Abadia (PSDB) como vice, em uma parceria para o Buriti. Se ainda por cima Márcio França (PSB) levar o governo de São Paulo, perfeito. As negociações caminham, mas o PPS-DF ameaça decepcionar os planos, se não pelo menos dificultá-los.
O encontro do governador com o presidente nacional do PPS, Roberto Freire (PE), não soou bem na bancada do partido no DF. O senador Cristovam Buarque, que pensou em aceitar pedido de Rollemberg para um encontro, recuou e mandou recado retirando a gentileza.
Presidente do PPS-DF, Chico Andrade falou ontem com Freire, logo após a visita de Rollemberg. Chico também recebeu um convite do governador do DF, mas recusou. “Ele (Rodrigo) me ligou, mas deixei claro que se for para uma aliança, não conversaremos. As decisões nacionais não precisam ser acatadas por todos os estados, pois as eleições não são verticalizadas. Rollemberg está forçando a barra”, criticou.
O PPS-DF imagina outra coligação local, com PSD, PDT, PPL e PCdoB. “O governador não vai conseguir fazer com o PPS o que fez com o PSDB. Não dividiu o partido e não teve o sim de ninguém”, declarou a distrital Celina Leão (PPS). O deputado distrital Raimundo Ribeiro foi mais a frente e afirmou que se a parceria PPS – PSB acontecer nacionalmente, ele deixará o partido. “Não aceito imposições”, frisou.
Saiba mais
Membros do PSDB apostam na aliança com PPS e PSB e já conseguem ver todos os representantes, juntos, no palanque de Geraldo Alckmin. Os que mantêm discurso contrário teriam que buscar novas siglas. A segurança vem em parte das declarações feitas por Valmir Campelo, que mesmo sendo da linha mais tradicional do PPS, teria dado a entender que aceitaria uma composição de Rollemberg. A expectativa é de que o cenário se desenhe até 7 de abril, último dia para filiação partidária e registro de partidos.            http://www.jornaldebrasilia.com.br
Leia Mais....

Evangélicos fazem planos para eleger deputados

Evangélicos fazem planos para eleger deputados
Cinco partidos estavam representados em encontro que começou a formalizar a composição da chapa dos evangélicos. Foto: Divulgação
Partidos com bases evangélicas planejam uma nominata para eleger o maior número possível de deputados federais. A aliança proporcional é um passo para o projeto de união de forças da comunidade para as eleições majoritárias. Para o governo do Distrito Federal, as legendas estão divididas entre a aposta inédita de um nome evangélico ou apoio a um personagem fora destas legendas, mas defensor da família e valores tradicionais. A composição para uma chapa de reeleição do governador Rollemberg (PSB) é improvável.
Na noite de ontem, Pros, PRB, PSC, Podemos e Patriotas, partido católico próximo à agenda evangélica, debateram a estratégia para conquistar espaço na Câmara dos Deputados. Inicialmente, a ideia é montar uma chapa universal ou composições independentes, mas coordenadas. A eleição de deputados federais é fundamental para o sobrevivência e o fortalecimento dos partidos no patamar nacional.
Sem cravar cargos de governador, vice-governador ou senador, lideranças evangélicas avaliam candidaturas majoritárias para o deputado federal Ronaldo Fonseca (Pros), do presidente regional do PRB, Wanderley Tavares, o pastor Egmar (PRB) e o pastor Faad Faraj.
Ao longo dos últimos meses, Tavares tem feito um trabalho intenso nas principais bases evangélicas do DF. Este movimento, o colocou no páreo para o Palácio do Buriti “Meu nome está disposição”, crava o dirigente. Caso viabilize uma candidatura pretende trabalhar com a valorização da família e a inovação na gestão pública. O PRB ainda faz parte da base do governo Rollemberg. Contudo, segundo Wanderley, a legenda discutirá esta situação com o governador ainda em março. Pesquisas definirão a continuidade ou o rompimento.
Ronaldo Fonseca tem sido alvo de pressões para disputar o Senado ou a Vice-Governadoria. “A pressão é grande. Mas eu estou de stand by. Estou vendo a banda passar”, brinca o parlamentar. Por outro lado, os partidos evangélicos buscam também novos nomes e lideranças de outros setores para agregar forças. Por exemplo, alguma siglas estão construindo pontes com o empresário Paulo Octávio (PP).
Para o Buriti, preferência ainda é maior por Frejat
Sem paixões ou ideologias, caso não lancem candidato próprio, os evangélicos estão muito mais próximos de Jofran Frejat (PR) do que de Rollemberg (PSB) ou outros nomes no pré-tabuleiro eleitoral. Frejat tem nome limpo e defende valores tradicionais, simples assim. Por outro lado, apesar dos esforços e da boa vontade, o governador não tem conseguido reforçar os laços com o segmento. Hoje, em cálculo otimista, o chefe do Executivo cai nas graças de 5% da comunidade.
Na avaliação de lideranças, Rollemberg se afasta do segmento pelos gestos. Portaria LGBT da Secretaria da Cultura pesa contra. Além disso, os programas de incentivo da pasta não abraçam a cultura gospel e evangélica. A comunidade também não consegue esquecer os templos derrubados pela Agência de Fiscalização (Agefis).
A aproximação também é minada pela ausência do governador em eventos evangélicos. Neste última Carnaval, a comunidade chamou Rollemberg para participar de um evento da Sara Nossa Terra, com 16 mil pessoas, e outro da Assimbléia de Deus, cujo público foi de 22 mil participantes. Rollemberg não apareceu.
Dificilmente, o governador seria vaiado em ambos, afinal a cultura evangélica é extremamente respeitosa, ainda mais em eventos próprios. Por exemplo, o ex-governador Agnelo Queiroz (PT) compareceu a grande parte das celebrações evangélicas e, mesmo com o governo sendo abertamente reprovado, não foi hostilizado.
Na política gestos são importantes. Para evangélicos, gestos são cruciais. A interlocução do Buriti com as comunidades também tropeça. Apesar de ter o apoio de Ronaldo Fonseca, o governo delega a tarefa para personagens sem grande afinidade com o segmento.
Fé nas urnas: o segmento evangélico ganha força
Pelas contas da Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan), hoje no DF vivem mais de 840 mil evangélicos. Segundo projeções do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), dentro de 10 anos, a comunidade evangélica poderá ser a maior do país, superando a católica.
O PSC possui uma nominata para deputados distritais extremante competitiva. Diversos pré-candidatos tiveram 10 mil votos nas eleições passadas.
Grande parte dos membros da Assembleia de Deus Ministério de Madureira, da Assembléia de Deus de Missão, da Sara Nossa Terra e da Universal enxergam com bons olhos uma eventual candidatura de Wanderley Tavares ao Palácio do Buriti.
Entre a comunidade, Rollemberg ainda encontra guarida em forte segmento do Conselho de Pastores Evangélicos e no PROS.
Na eleição passada Ronaldo Fonseca teve 85 mil votos. O nome do parlamentar não aparecia com destaque nas pesquisas antes das urnas.        http://www.jornaldebrasilia.com.br    
Leia Mais....

Pastor Everaldo e Paulo Rabello inauguram sede do PSC no RN Presidente do partido falou sobre o planejamento para as eleições de 2018

terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

O presidente do Partido Social Cristão (PSC), Pastor Everaldo Pereira, e o pré-candidato da legenda a presidente, o economista Paulo Rabello de Castro, participaram da inauguração da sede do PSC em Natal (RN), no último sábado (24). Durante o evento, Pastor Everaldo falou sobre a

“O partido está se organizando nacionalmente para ter candidaturas em todos os estados, e o Rio Grande do Norte está dando um grande exemplo para nós. Quero agradecer, em nome de todo o PSC, o trabalho que está sendo feito”, disse Pastor Everaldo.
Em palestra, Paulo Rabello apresentou os caminhos para a retomada do crescimento sustentável do país. “Acredito que o Brasil pode surpreender positivamente, principalmente do ponto de vista econômico, e espero contribuir para isso”.
O economista acredita que pessoas com responsabilidade e vontade podem mudar o Brasil. “O povo quer mudança. Acredito que não haja espaço para radicalismos, mas se conseguirmos plantar essa semente de renovação, iremos fazer a diferença. Não há espaço para uma agenda diferente do que a sociedade almeja e estamos atentos a isso”, afirmou.
Também participaram do evento o presidente estadual do PSC no Rio Grande do Norte, Renato Fernandes, que é pré-candidato a deputado federal, e o vice-governador do Estado, Fábio Dantas              http://www.psc.org.br   
Leia Mais....

Sessão solene em comemoração aos 25 anos de Santa Maria


Sessão solene em comemoração aos 25 anos de Santa Maria
Na noite dessa terça-feira, dia 20 de fevereiro, a Câmara Legislativa do Distrito Federal realizou a Sessão Solene em comemoração ao aniversário de 25 anos de Santa Maria, proposta pelo deputado distrital Robério Negreiros.
A cerimônia foi aberta oficialmente pelo deputado distrital Robério Negreiros às 19h40min. O deputado fez uma breve explanação sobre o seu trabalho na cidade e evidenciou as obras que vem sendo executadas. Na sequência, as meninas da Vila das Crianças fizeram apresentações de dança e canto, seguida do cordelista Kennyo Alencar, que recitou um cordel em homenagem ao aniversário da cidade. Para fechar as apresentações, um grupo de jovens da cidade cantaram a música de Janeiro a janeiro. Aproximadamente 120 pessoas participaram da Sessão Solene.
Voltando aos pronunciamentos, a palavra foi aberta para os componentes da mesa, que foi composta pelo deputado Robério Negreiros, pelo administrador de Santa Maria, Hugo Gutemberg, pelo coordenador da Regional de Ensino de Santa Maria, Claudiney Forminga, pelo coordenador de Saúde de Santa Maria, Higor Silveira, pelo comandante do 26º batalhão de Santa Maria, Major Paulo da Silva, pelo advogado Paulo Paracatú e pela irmã Marinei, representante da Instituição Vila das Crianças de Santa Maria.
Na última etapa da sessão, a palavra foi aberta para os populares, que elogiaram o desenvolvimento da cidade e também apontaram falhas, as quais acreditam que serão resolvidas ainda na gestão do administrador Hugo com o apoio do deputado Robério Negreiros e demais parlamentares da CLDF. O administrador Hugo fechou os pronunciamentos apresentando um breve relatório de tudo que foi feito, que está em andamento e ainda será realizado.

Após o encerramento da sessão, houve a confraternização com o corte do bolo e o coffe break.                  http://www.capitaldoentorno.com
Leia Mais....

Preso responsável pelo controle de uma boca de fumo em Valparaíso


Preso responsável pelo controle de uma boca de fumo em Valparaíso
O Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc) de Valparaíso efetuou a prisão em flagrante de Renato Costa, nesta quinta-feira (22), pelo crime de tráfico de drogas.
Renato foi flagrado com porções de crack e maconha. Ele é apontado como responsável por uma movimentada boca de fumo que funcionava em sua residência, localizada no bairro Parque Esplanada I. Renato é investigado também pela equipe do GIH de Valparaíso por ser o principal suspeito de um homicídio, ocorrido no dia 12 de janeiro, no qual uma pessoa foi esfaqueada e morta logo após deixar o ponto de drogas de Renato.

As investigações continuam mesmo com a prisão de Renato para para apurar o homicídio supostamente cometido por ele e também para destrinchar todas as conexões e obter mais evidências relativas ao crime de tráfico.              http://www.capitaldoentorno.com
Leia Mais....

Vídeo: homem reage a assalto com pauladas e é morto a tiros

Um homem de 47 anos foi morto a tiros, nesse domingo (25), ao reagir a um assalto dentro de um mercado, em Caldas Novas, na região sul de Goiás. Câmeras de segurança registraram o momento em que dois bandidos chegaram ao lugar e anunciaram o assalto. A vítima, Luiz Henrique Rodrigues da Silva, foi atingida no peito e morreu ainda no local.
Conforme as imagens, um homem de blusa vermelha entra no mercado e saca uma arma da cintura. Rapidamente, ele abre o caixa, enquanto um comparsa chega logo atrás com alguns objetos na mão.
Em determinado momento, a mulher que trabalha no caixa se mexe para pegar algo e o suspeito a cutuca com a arma. Ela, então, coloca uma caixa sobre a mesa e os suspeitos recolhem o dinheiro.
Logo em seguida, chega o terceiro homem com um pedaço de pau nas mãos. Ele ataca os assaltantes, mas é atingido com um soco na cabeça e baleado. A dupla foge logo depois. “Nossa equipe chegou lá e a vítima estava baleada bem no coração. Já não tinha mais sinais vitais, morreu no local mesmo”, contou ao G1 o subtenente do Corpo de Bombeiros Fábio Mesquita.    http://www.tudooknoticias.com.br
Leia Mais....

Neto De Roriz Será Candidato A Deputado

Joaquim Roriz Neto, filho da ex-deputada Jaqueline Roriz e neto do ex-governador Joaquim Roriz, concorrerá a deputado federal nas eleições de outubro. Ele ainda não definiu a que partido se filiará.
Em 2104, Joaquim Neto entrou na disputa apenas vinte dias antes da eleição e obteve mais de 30 mil votos. Ele morou vários anos nos Estados Unidos, onde cursou a universidade após concluir o segundo grau no Brasil.
Jaqueline Roriz, que está inelegível, garante que o filho não tem pretensão de disputar um cargo majoritário, mesmo que seja como candidato a vice em alguma chapa.
“Ele fará uma bela carreira política para continua a tradição da família”, afirmou a filha do ex-governador, que trata como boato qualquer notícia diferente em relação ao seu filho.                                                                                                   http://donnysilva.com.br
Leia Mais....

Entrevista Egocêntrica De Frejat Incomoda Aliados

Em entrevista na tarde desta segunda-feira (26/02) ao programa CB.Poder, o ex-secretário de Saúde Jofran Frejat (PR) disse que tem o apoio de seu partido e disposição para concorrer ao Palácio do Buriti em outubro. Defendeu ainda a união da direita para derrotar o governador Rodrigo Rollemberg (PSB).
Mas segundo informações, a entrevista de Frejat, que foi derrotado na chapa encabeçada por Weslyan Roriz em 2010 (Frejat era candidato a vice-governador)  e novamente derrotado em 2014 (mas desta vez como protagonista na corrida ao Buriti, tendo Flávia Arruda como vice)  causou revolta entre os companheiros da direita, que o acharam extremamente arrogante, prepotente e egocêntrico em algumas colocações.
Ainda segundo fontes ouvidas pelo blog, a entrevista de Frejat demonstrou claramente que ele não abre mão de ser o cabeça do grupo de centro-direita na disputa ao Buriti. Ou seja: Ele quer que todos os demais se unam a ele mas ele não aceita se unir a quem tiver menor rejeição, por exemplo. Também Frejat não expressou nenhuma consideração com a ex-companheira de chapa, Flávia Arruda, fato que teria irritado, mais uma vez, o ex-governador José Roberto Arruda,  grande responsável por “ressuscitar” Frejat para que voltasse  ao cenário político em 2014.
O PR anunciou recentemente a pré-candidatura de Jofran Frejat a governador do DF.  Nem Arruda nem  partidos da direita declararam apoio à decisão do PR até agora…
O “já ganhou” tomou conta da pré-campanha de Frejat, mas ainda é muito cedo para comemorar. Por enquanto tudo é treino. O jogo mesmo, só começa a partir de abril.


Fonte: Donny Silva
Leia Mais....

PSG anuncia fissura no pé, e Neymar será desfalque contra o Real Madrid Brasileiro está fora de jogo decisivo pelas oitavas da Liga dos Campeões


AFP / GEOFFROY VAN DER HASSELT
Após a realização de novos exames, o Paris Saint-Germain anunciou na noite desta segunda-feira o diagnóstico sobre a lesão de Neymar. Se a temida fratura foi descartada, o clube informou que o craque brasileiro sofreu uma fissura no pé, o que o deixará fora de ação pelas próximas semanas e o fará perder o duelo diante do Real Madrid, pela Liga dos Campeões.Em rápido comunicado em seu site oficial, o PSG explicou que Neymar sofreu uma fissura no quinto metatarso do pé direito e ainda torceu a região ântero-externa do tornozelo na vitória do último domingo sobre o Olympique de Marselha, pelo Campeonato Francês. Na ocasião, o brasileiro pisou de mau jeito, caiu no gramado acusando muitas dores e precisou ser substituído, chorando muito.

Como é de praxe entre os clubes europeus, o Paris Saint-Germain não confirmou o tempo de afastamento previsto para Neymar. Porém, a ausência do jogador é certa para o duelo de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões, contra o Real, dia 6 de março, na França.Na manhã desta segunda, Neymar chegou a postar foto de seu tornozelo imobilizado nas redes sociais, com a legenda: "Terminou por hoje". Os primeiros exames que o jogador realizou no Hospital Americano, em Neuilly sur Seine, não mostraram qualquer fratura no local. Havia até a expectativa de que ele pudesse encarar o Real, mas a realização de novos exames confirmaram a gravidade da contusão.

Desta forma, Neymar se torna problema também para a seleção brasileira, que fará amistosos contra Alemanha e Rússia, nos dias 23 e 27 de março, respectivamente. O técnico Tite realizará a convocação para estes confronto na sexta-feira, e o atacante dificilmente estará em campo.

Outro que se tornou problema para o PSG e a seleção brasileira é o zagueiro Marquinhos. Também na vitória sobre o Olympique, o jogador sofreu uma lesão muscular na coxa esquerda. Após a realização de exames, foi confirmada uma contusão de grau 1 no quadríceps, que também afastará o jogador das próximas partidas do clube francês.              http://www.correiobraziliense.com.br/
Leia Mais....

Frejat diz que concorrerá ao Buriti, mesmo que aliados entrem no páreo

Uma alternativa seria disputar ao lado de Joe Valle e de Cristovam Buarque


Diante da pulverização de pré-candidaturas de oposição, o ex-deputado Jofran Frejat (PR/DF) ameaça fechar uma aliança com antigos adversários políticos, como o presidente da Câmara Legislativa, Joe Valle (PDT), e o senador Cristovam Buarque (PPS/DF). O grupo de Frejat, que se originou dos governos Joaquim Roriz e José Roberto Arruda, está dividido, como mostrou o Correio no último domingo. Além do ex-secretário de Saúde, não arredam o pé de suas pretensões os deputados federais Alberto Fraga (DEM/DF), Izalci Lucas (PSDB/DF) e o ex-distrital Alírio Neto (PTB).

Em entrevista ao programa CB.Poder, que foi ao ar ontem, Frejat garantiu que será candidato pelo PR, mesmo se os companheiros de acordo se lançaram ao Palácio do Buriti. “Estou cumprindo a minha palavra”, disse. “Ou você cumpre a sua palavra ou você vira...”, afirmou, sem completar a frase. Ele sabe que muita gente se coloca como candidato ao governo, mas, na verdade, quer um bom lugar na chapa. “Estamos tentando acomodar os aliados”, explicou.Frejat, no entanto, não escondeu a insatisfação. Para ele, o embate de seu grupo é mais difícil do que enfrentar a reeleição do governador Rodrigo Rollemberg (PSB). “O fogo amigo é muito pior”, declarou, durante o programa. Um dos principais entraves para a consolidação da chapa é a relutância de Frejat em compartilhar um eventual governo com os aliados políticos. Ele não aceita negociar agora o espaço em áreas como segurança, saúde e educação, por exemplo. Tampouco admite um vice com passado de condenações.

De acordo com Frejat, as exigências foram colocadas à mesa durante uma reunião, na qual foi apresentada uma pesquisa de intenção de votos em que apareceu, como principal nome do grupo para enfrentar Rollemberg. “Eu falei: ‘Se eu for o candidato, eu não posso aceitar um vice que seja meu adversário, como o que está acontecendo hoje, e não posso colocar um vice que seja ficha-suja’. Pronto. Complicou”, contou.
Eu falei: "Se eu for o candidato, eu não posso aceitar um vice que seja meu adversário, como o que está acontecendo hoje, e não posso colocar um vice que seja ficha-suja". Pronto. Complicou" - Jofran Frejat, pré-candidato ao Buriti pelo PR(foto: Arthur Menescal/Esp. CB/D.A Press)
Integrantes do PR avaliam que Frejat precisa ser mais conciliador no trato com os aliados que se comprometeram a saírem juntos. Em meados do ano passado, em diversas reuniões, Frejat, Alírio, Fraga, Izalci, Filippelli, o ex-vice-governador Paulo Octávio (PP) e a ex-deputada Eliana Pedrosa (Podemos) acertaram que o nome do grupo na cabeça de chapa seria o que tivesse mais intenções de votos nas pesquisas, maior potencial de crescimento, menor rejeição e viabilidade jurídica. Até o momento, tudo indica que Frejat é o que melhor se encaixa nessas condições.

Frente alternativa

Com essas dificuldades, Frejat trabalha um plano B. Pode, por exemplo, concorrer em uma aliança de centro-esquerda. Joe Valle poderia ser o vice ou candidato ao Senado, ao lado de Cristovam Buarque (PPS). Outra possibilidade da chapa majoritária é o ex-presidente do Tribunal de Contas da União (TCU) Valmir Campelo, anunciado no fim de semana como uma opção do PPS (leia Cinco perguntas para). O ex-vice-governador Tadeu Filippelli, que comanda o MDB e o PP, tem costurado esse entendimento. Assim, com metade do tempo de televisão do horário eleitoral, o emedebista não abre mão de indicar o vice. Falta acertar o nome.

Por outro lado, o senador Cristovam Buarque busca um grupo político para disputar as eleições. Ele rompeu com o PT depois de votar a favor do impeachment de Dilma Rousseff e não aprova a administração de Rodrigo Rollemberg. Joe Valle, por sua vez, está lançado para a chapa majoritária, mas também não tem estrutura para concorrer sozinho.

Pré-candidato ao Buriti, Alberto Fraga (DEM) classificou a atitude de Frejat de conversar com integrantes da oposição como “precipitada” e afirmou que o acordo será cumprido conforme as regras estabelecidas em meio às articulações. “Ele está aproveitando o recall. É natural que, por ter sido candidato, tenha uma lembrança maior na memória da população. Mas nem sempre o melhor candidato é quem está à frente hoje. O que combinamos é que encomendaríamos uma pesquisa e, depois, bateríamos o martelo”, argumentou.
O deputado federal acrescentou que não acompanharia Frejat em uma aliança com Joe Valle e Cristovam Buarque. “Eu sou da oposição há oito anos. Não mudo de lado. Essa frente alternativa conta com pessoas que ficaram até o último momento da atual gestão. Assim é muito fácil. Se Frejat escolher esse caminho, que vá. Temos votos suficientes para enfrentar Rollemberg. Não queremos que o grupo se divida, mas não vão ganhar nada no atropelo”, ressaltou Fraga.
    www.correiobraziliense.com.b
Leia Mais....

AGORA ROLLEMBERG TERÁ QUE RESPONDER: “E AGORA RODRIGO?”

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018



A partir de agora a Sociedade do DF aguarda ansiosa que o Socialista Rodrigo Rollemberg (PSB – 40) responda aos questionamentos feitos pelo Sindicato dos Professores do DF (SINPRO) em sua Campanha de Avaliação de Gestão Pública, na qual, após elencar o desmonte, o sucateamento e a precariedade dos serviços públicos na Capital da República questiona com muita propriedade: “E agora Rodrigo?”
Sabedor que não tem como responder aos questionamentos feitos ou justificar o caos existente na seara de segurança pública, saúde, educação, mobilidade urbana, manutenção de vias e edificações (O Eixão desmoronou !!!), o atual ocupante do Palácio do Buriti refugiou-se no silêncio coercitivo imposto por uma liminar judicial.
Assumindo um “vitimismo” inexistente, Rollemberg desenha frente à Justiça Eleitoral um cenário cujo script o pobre e perseguido “Rodrigo” sofre perseguições e injustas avaliações por motivos meramente eleitorais desconsiderando que leitos de UTIs estão desativados, Pediatrias fechadas, filas intermináveis de espera para atendimento emergenciais, listas infindáveis de espera para inclusão em mapas cirúrgicos, demandas represadas para exames e tantas outras mazelas que afligem a sociedade usuária da Rede de Saúde Pública do DF.
“Rodrigo” também não tem como responder ao déficit de vagas nas salas de aula, obrigando que Alunos se desloquem, (de forma precária), para cidades satélites diversas daquelas em que residem.
“Rodrigo” não encontrou resposta a ser dada quanto ao crescente e assustador aumento do índice de criminalidade que assola o DF,  o qual diverge dos dados oficiais divulgados pelo Governo, fato plenamente justificável pelo cansaço e descrença da população ou pelo excesso de Delegacias “fechadas” por inegável sucateamento de todo sistema de Segurança Pública…
Assista ao vídeo: 
Como “Rodrigo” não tem respostas, Rollemberg busca a “mordaça” necessária para que o SINPRO não faça as perguntas !!! Simples assim !
No entanto, sua estratégia, a princípio vencedora em sede liminar, não resistiu a criteriosa análise de um Poder autônomo, independente e extremamente atento às questões sociais, comprometido com os interesses dos eleitores jurisdicionados e zeloso em prestar uma jurisdição justa e compatível com a verdade material dos fatos, vindo nesta quinta-feira (22/02) o Tribunal Regional Eleitoral -TRE a decidir pela extinção do feito, com julgamento de mérito, refutando os argumentos usados pelo PSB e Por Rollemberg para “blindar” o pobre “Rodrigo”…
Em sua muito bem fundamentada Decisão, a Desembargadora Carmelita Brasil que foi designada Relatora do referido Processo, não reconheceu ser “propaganda eleitoral antecipada negativa do seu governo” e a favor de “potenciais pré-candidatos ao Governo de Brasília”, e acresce que “nenhum diretor do sindicato é candidato; e nem Rollemberg é candidato, ainda. Portanto, os vídeos são apenas uma crítica ao governo e podem continuar sendo veiculados.”
A referida Decisão Judicial foi muito bem recebida pelo Coordenador de Imprensa do SINPRO/DF, Cláudio Antunes que justifica a legitimidade da mídia agora liberada:
“O Sinpro levanta estas questões porque os professores estão na ponta. São eles que convivem diretamente com essa dura realidade, juntamente com estudantes e suas famílias. A intenção das nossas campanhas é mostrar as mazelas pelas quais todos estamos passando para provocar o debate; para fazer com que o GDF se mexa e apresente soluções. Infelizmente, a solução que recebemos de Rollemberg foi mais uma tentativa de censura”,
“Se uma parcela da sociedade não concorda com as medidas de um governo, ela tem todo o direito de não só discordar, como abertamente criticar e exigir mudanças. É uma crítica que faz parte da democracia”, complementa Rosilene Corrêa, coordenadora de Finanças do Sindicato.
Campanha – A campanha “E agora, Rodrigo?” faz uma alusão ao poema “E agora, José?”, de Carlos Drummond de Andrade, no qual o poeta ilustra o sentimento de solidão e abandono do indivíduo na cidade grande, a sua falta de esperança e a sensação de que está perdido na vida, sem saber que caminho tomar.
O “E agora, Rodrigo?” foi a forma encontrado pelo sindicato para criticar como o GDF vinha enfatizando suas realizações na campanha “Brasília está no rumo certo”, a um custo de milhares de reais dos cofres públicos. O Sinpro discorda desta posição pois, ao contrário do tenta fazer crer, Rollemberg não cumpre o que determina a legislação. Os professores não receberam reajuste salarial; não receberam o reajuste do auxílio-alimentação; o governo tenta de todas formas impedir que a categoria continue progredindo na carreira a fim de conter gastos. Ainda no caso da Educação, ao invés de construir escolas, quebram-se laboratórios para servir como sala de aula ou transportam-se estudantes de um lado para outro da cidade para assistirem às aulas. Não nomeia professores e orientadores educacionais concursados na quantidade necessária que a rede de ensino precisa. Não respeita o pagamento da pecúnia aos aposentados da categoria.
Isso sem falar que a própria cidade está sendo penalizada com serviços públicos que vêm se deteriorando.
Outros exemplos da má gestão de Rollemberg não faltam: não há médicos suficientes na rede pública; pediatrias nas UPAs são fechadas; as passagens de ônibus aumentaram 66% sem a devida contrapartida; houve a terceirização do Hospital de Base. É um governo desastroso e que tenta, na televisão, passar a ideia que “está no rumo certo”.
Por fim, a campanha “E agora, Rodrigo?” oportuniza ao cidadão brasiliense poder expressar as suas necessidades e de discordar com a tese do GDF.
“O governo, inclusive, perdeu a oportunidade de fazer esse debate ao buscar nos tribunais a solução para os problemas, ou seja, tentando escondê-los e calar o Sindicato”, destaca Cláudio Antunes.
E agora Rodrigo ???
Rollemberg bem que tentou, mas agora você terá que responder !!!
E agora Rodrigo ????
A sociedade espera sua resposta ! E agora????                                                                http://www.tudooknoticias.com.br
Leia Mais....

Prefeitura de Novo Gama oferece cursos de capacitação profissional a enfermeiros com o intuito de melhorar atendimento na rede pública de saúde




Prefeitura de Novo Gama oferece cursos de capacitação profissional a enfermeiros com o intuito de melhorar atendimento na rede pública de saúde
A Prefeitura de Novo Gama, por meio de sua Secretaria de Saúde, informou que cerca de 20 enfermeiros da rede pública de saúde serão capacitados com cursos técnicos. De acordo com a pasta, a intenção é fazer que os enfermeiros, ao término do curso, se tornem num agente que possa promover os cursos a outros enfermeiros que atuem na rede pública do município.
“Para melhorar o acolhimento clínico e proporcionar maior conforto e qualidade aos pacientes novo-gamenses da rede pública de saúde”, é que foram criados os cursos técnicos, segundo a prefeitura.
Realmente, estudos mostram que a boa qualificação do enfermeiro pode fazer grande diferença durante o atendimento médico. É também o que defende a subcoordenadora da Regional de Saúde do Entorno Sul, Renata Carvalho, que também foi responsável por ministrar um dos cursos aos enfermeiros.
“A gente tenta resgatar e reestruturar alguns conceitos que foram perdidos durante os anos, principalmente, em relação ao trabalho em equipe”, afirma a subcoordenadora.
Para a prefeita de Nova Gama, Sônia Chaves, a formação continuada, seja em qualquer área profissional, é fundamental para o aprimoramento de qualquer categoria. “A educação continuada é o processo de desenvolvimento e aprimoramento de conhecimentos após a graduação, que possui duração definida e metodologia tradicional, assim, os profissionais, no caso, os enfermeiros, está sempre reciclando o próprio conhecimento”, diz Sônia.
Os cursos são ministrados conforme as normas estabelecidas pelo Ministério da Saúde.
Em Águas Lindas de Goiás, o prefeito do município, Hildo do Candango, parabenizou a medida tomada pela gestão de Sônia e comentou sobre a importância do assunto.
“Vejo com bons olhos a iniciativa do governo de Sônia Chaves e tenho certeza que desta forma ela está promovendo uma revolução na saúde pública de Novo Gama. Em breve, o município entrará para o rol das cidades com o maior índice de qualidade nos serviços de saúde pública”, disse Hildo.
Além do treinamento profissional junto aos enfermeiros, o governo de Novo Gama também informa que a atual gestão “preza pela qualidade de vida da população”, e que, por isso, estão sendo também “articuladas ações especiais para o desenvolvimento das unidades básicas de saúde”.                                       http://www.capitaldoentorno.com
Leia Mais....

Alírio Se Reúne Com Pré-Candidatos E Diz Que Não Abre Mão Do Buriti

Os pré-candidatos ao Palácio do Buriti estão se movimentado intensamente e construir uma boa nominata é o primeiro passo. A corrida para deputado distrital e federal é intensa. Jofran Frejat um dos postulantes ao Palácio do Buriti tratou como pop star Gutemberg Fialho (leia aqui) na última quarta-feira,21.
Na tarde desta quinta-feira,22. Alírio Neto (PTB) que pretende concorrer ao Palácio do Buriti  também se mexeu e fez uma reunião com um grupo de pré-candidatos a deputado distrital visando uma filiação em massa.
A reunião aconteceu em uma casa no Lago Sul. O grupo composto por Dedé Roriz, Professor Jordenes, Sargento Jabá e Professora Sihami. Os postulante ouviram de Alírio suas propostas para Brasília e uma análise do cenário político.
Logo na chegada, Alírio revelou que há tempos queria conhecer Jabá, liderança da PMDF, relembrando a luta histórica do sargento nos movimentos de praças. No bate-papo, comentou sobre recente matéria veiculada no Jornal de Brasília, colocando Dedé Roriz como postulante a cargo majoritário.
Mesmo com Dedé afirmando que deseja concorrer a uma cadeira na CLDF, Alírio afirmou que por seu trabalho e pelo legado que defende, Dedé teria sim legitimidade para enfrentar uma eleição majoritária.
A educação teve atenção especial no encontro. O pré-candidato afirmou que acompanha há anos o trabalho do Professor Jordenes frente ao CEFA. “Além de educação de excelência, Jordenes proporciona às crianças do Arapoanga ensino integral, com reforço escolar e quatro refeições por dia.
Ele é a prova que a educação pública pode ser de extrema qualidade”. A professora Sihami também mereceu atenção de Alírio: “Sihami faz a diferença no Itapoã, trazendo as famílias para dentro de sua escola e envolvendo os pais na formação de seus filhos”.
Estiveram presentes ainda Bruno Bonetti, Amauri Coelho e Carlos Eduardo Concli. Ao final, Bonetti agradeceu o gesto de Alírio em ir encontro ao grupo: “O encontro com Alírio foi enriquecedor. Pudemos constatar que sua candidatura é pra valer, porque além de excelente gestor, tem um louvável espírito público, força e energia para dar o choque de administração que o DF precisa”.
Fonte: Radio Corredor
Leia Mais....
 
BLOG DO PASTOR RONNE © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot