• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Bem Informado Ninguém é Enganado

Bem Informado Ninguém é Enganado

PMs E Bombeiros Rejeitam Rollemberg

quinta-feira, 3 de agosto de 2017


PMs e bombeiros rejeitam Rollemberg e aprovam Bolsonaro para a Presidência
Por Ana Maria Campos-Correio Braziliense/Foto:Tony Winston/Agência Brasília –
Policiais e bombeiros militares do Distrito Federal rejeitam o governador Rodrigo Rollemberg (PSB), acham que não têm condições suficientes de trabalho, acham que a segurança pública não está no caminho certo e são eleitores do deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) para a Presidência da República. Este é o perfil identificado por pesquisa encomendada pela Associação dos Oficiais da Reserva Remunerada e Reformados da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros do DF (Assor) nas duas corporações. O levantamento foi realizado pelo Instituto Exata OP, entre 6 e 19 de julho, com uma amostra de 534 entrevistados, ouvindo ativos e inativos, com margem de erro de 3% e intervalo de confiança de 95%.

70% dos policiais militares reprovam o governo

O governador Rodrigo Rollemberg (PSB) não perde uma oportunidade de elogiar o trabalho da Polícia Militar e, na avaliação de vários integrantes das forças de segurança, dá tratamento preferencial à corporação. Mas a pesquisa da Assor indica que a classe não se sente prestigiada. Entre PMs, a avaliação negativa do governo chega a 70%. O percentual entre bombeiros também é alto: 54%. Considerando as duas corporações militares, apenas 4,7% avaliam a administração de Rollemberg como ótima, 3,4% dizem que é boa e 28,5%, regular. O percentual dos que estão insatisfeitos e apontam como ruim ou péssima chega a 64%. A rejeição à figura de Rollemberg como político também é alta: 58,1% disseram que não votariam no governador de jeito nenhum.

Nas corporações militares, Fraga lidera pesquisa ao Buriti

Se a eleição fosse hoje, o deputado Alberto Fraga (DEM) seria o mais votado entre policiais e bombeiros militares em levantamento estimulado. Coronel na reserva, o político aparece com 27,5% dos votos, seguido pelo senador José Antônio Reguffe (Sem partido), com 11%, e o ex-deputado Jofran Frejat (PR-DF) registrou 7,9%. A lista segue assim: Cristovam Buarque (6,9%), Chico Leite (1,5%), Alírio Neto (1,1%), Tadeu Filippelli (0,6%), Érika Kokay (0,6%), Rodrigo Rollemberg (0,4%), Izalci Lucas (0,2%), Joe Valle (0,2%), Paulo Octávio (0,2%) e José Humberto Pires (0). O maior percentual, no entanto, é o de indecisos, que chega a 41,9%.

O ídolo das forças de segurança

A preferência dos policias e bombeiros militares ao deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) para ocupar o Palácio do Planalto é estrondosa. Entre os entrevistados, 67% querem ver o militar que lidera um discurso de extrema direita na Presidência da República. O militar na reserva tem ainda mais simpatia entre PMs. Neste caso, o percentual chega a 71%. O segundo colocado na preferência está bem distante de Bolsonaro. É o ex-presidente Lula, que alcançou 3,4% das intenções de votos. Em seguida, estão Ciro Gomes (2,8%), José Geraldo Alckmin (2,2%), Marina Silva (0,4%) e Rodrigo Maia (0). Os indecisos somam 24,2%.                                                                                             Fonte:http://donnysilva.blog.br
 
NOSSOGAMA.COM.BR © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot