• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Bem Informado Ninguém é Enganado

Bem Informado Ninguém é Enganado

“Votei contra o relatório pífio do relator governista”, diz Robério Negreiros sobre CPI da Saúde

quarta-feira, 17 de maio de 2017
FOTO: DIVULGAÇÃO
                                                          Robério Negreiros (PSDB) exerce atualmente o segundo mandato parlamentar na Câmara Legislativa do Distrito Federal. O Alô Brasília conversou com o parlamentar sobre a sua atuação na CPI da Saúde, os seus maiores desafios na Casa e opina sobre ações do Legislativo em relação à administração pública.  
Alô Brasília: Por que o senhor votou contra o relatório final da CPI da Saúde, na última quinta-feira?
Acho que poderíamos ter contribuído mais para jogar luz sobre área tão importante. O sistema público está completamente sucateado e, de maneira geral, os especialistas dizem que não falta dinheiro. Se não é falta de recursos financeiros, tem de haver alguma outra explicação para a situação caótica da Saúde no Distrito Federal. A CPI deveria ter se aprofundado mais e ter ido até achar reposta para equação que não fecha. Faço aqui inclusive minha mea-culpa. A Câmara acabou se deixando atropelar pelos escândalos políticos e não cumpriu sua missão de fiscalizar possíveis abusos do Executivo. Ou seja, mesmo tendo sido membro da CPI, não fiquei satisfeito com o resultado é por isso, votei contra o relatório pífio do relator governista.
 
AB: Acha que o Legislativo fiscaliza pouco a administração pública?
Historicamente sim. Infelizmente quem está com a caneta na mão consegue intimidar uma parte dos parlamentares para criar uma base que, na maioria das vezes, não é nada consistente. Tenho a impressão que parte dos colegas parlamentares se esmera em manter a independência dos poderes, mas em todas as legislaturas sempre tem uma fatia que se entrega a benesses de ser amigo do Buriti.
AB: O senhor tem projetos voltados para a Saúde do DF? Quais?
A Saúde do DF precisa de uma reestruturação completa. Mas hoje, com o cenário político e de degradação da pasta, é impossível pensar nisso. Infelizmente a população ainda irá amargar a precariedade nunca antes vista no Distrito Federal. Um novo caminho precisará ser traçado, mas isso só ocorrerá quando houver uma nova perspectiva política.
AB: Qual tem sido o maior desafio do seu mandato?
A politicagem. O Distrito Federal tem muitos nomes que vendem demagogia e que, na surdina, de maneira sórdida, faz politicagem em vez de política séria e honesta: voltada para o bem comum. Mas toda essa revolução que está abalando os grandes caciques nacionais, vai sacudir para longe os politiqueiros daqui também.
AB: O que o seu eleitorado mais cobra do senhor?
Os eleitores, de maneira geral, querem ver o parlamento funcionando para a defesa dos direitos de todos. É preciso ter coragem para ser autêntico e responsável. Não acredito no político que fala apenas aquilo que o povo quer ouvir. Então não se trata de uma cobrança, mas sempre me pedem para manter minha postura intransigente contra desmandos e a favor da população. 
Fonte:http://www.alo.com.br
 
NOSSOGAMA.COM.BR © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot