• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Efeito Drácon

sábado, 12 de novembro de 2016
A campanha do deputado distrital Agaciel Maia (PR) pela presidência da Câmara Legislativa enfrenta um desafio complicado: o reflexo da Operação Drácon. Pelos bastidores, parlamentares suspeitam que Agaciel tenha colaborado com o Palácio do Buriti para a deflagração da investigação conduzida pelo Ministério Público e a Polícia Civil.
Indícios
Na leitura dos pares, existe uma série de indícios para sustentar essa hipótese. Agaciel trabalhou arduamente para a eleição do deputado Juarezão (PSB) para a vice-presidência da Casa. Posição que catapultou o aliado neo-socialista para o comando do Legislativo após a detonação da Drácon. Na sequência, Agaciel passou a influenciar na condução dos trabalhos legislativos, defendendo a agenda do GDF.
Ressalva
Seja verdade ou mentira, esta é a sensação de grande parte dos distritais. Por isso muitos estão receosos em votar em Agaciel no dia 15 de dezembro. A discussão não entra no mérito da investigação do Ministério Público. Mas sim postura do parlamentar em relação aos pares. Se Maia espera vencer a disputa pela presidência, precisa superar este obstáculo o quanto antes.
Inédito
O presidente Michel Temer é o entrevistado do Roda Viva desta segunda-feira, a partir das 22h, na TV Cultura. O programa inédito – é a primeira vez que um presidente da República fala ao programa na residência oficial – será gravado na manhã de hoje, no Palácio da Alvorada. Entre os assuntos que Temer irá abordar estão as medidas do Governo Federal para a retomada do crescimento econômico, combate ao desemprego, corte de gastos, reformas política e da previdência, e mudanças propostas para o ensino médio.
Olhos bem abertos
“Vigiem os passos da Marli”. Foi o recado que o secretário adjunto de Relações Legislativas, José Flávio de Oliveira, deu, por telefone, a alguém do Palácio do Buriti, na garagem da Câmara Legislativa.
Ganhando corpo
A Rede Sustentabilidade definiu mais três coletivos. O núcleo de Taguatinga e duas regionais compartilhadas, uma abrangendo Gama e Santa Maria e outra cobrindo Varjão e Lago Norte. Com isso, o partido estabelece 15 coletivos pelo DF. Pelas regras particulares do sigla, os coletivos passarão por um período de estruturação de 1 ano, ao final dele serão transformados em elos, equivalentes aos tradicionais diretórios regionais dos demais partidos.
Entre virtudes e vícios
Dentro das próximas semanas, a Rede começará um ciclo de debates para definir a estratégia eleitoral para 2018. Na avaliação de alguns representantes, o quadro de potenciais candidatos é promissor. Grande parte dos aspirantes é de novatos e personagens que ainda não ganharam destaque no tabuleiro político. O que é bom e ruim. Pois, da mesma forma como não possuem os vícios da política, também não agregam as virtudes.
 
BLOG DO PASTOR RONNE © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot