• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

COM VOCÊ / NOSSO GAMA

Agaciel, o poderoso

quinta-feira, 25 de agosto de 2016
Suplente de Raimundo Ribeiro (PPS) na Mesa Diretora da Câmara Legislativa, o deputado distrital Agaciel Maia (PR) tomou posse ontem do cargo de Primeiro Secretário da Casa. Como também é presidente da Comissão de Orçamento e Finanças, ele já foi alertado pelos colegas de que terá de fazer opção entre um cargo ou outro. O Regimento Interno da Câmara é claro, no Artigo 16-A: “Ficam os deputados distritais impedidos de exercerem cumulativamente os cargos de membro da Mesa Diretora, corregedor, ouvidor e presidente das comissões permanentes da Câmara Legislativa”.
CPI
Com a saída de Bispo Renato (PR) da CPI da Saúde, é Agaciel também quem assume uma cadeira no colegiado, na condição de suplente. O bispo solicitou afastamento temporário até o fim das investigações da Operação Drácon. Cristiano Araújo (PSD), que não é da Mesa, mas participa da CPI – e também é investigado – permanece como titular da comissão. Por enquanto. Julio Cesar (PRB), que entrou no colegiado quando Roosevelt Vilela (PSB) deixou a Câmara Legislativa, assumiu o posto de titular. E também é investigado. E ainda não manifestou intenção de sair.
Reforço
É certo que, com a chegada de Agaciel ao colegiado, o governo ganha mais força na comissão, que tem ainda Wellington Luiz (PMDB), Robério Negreiros (PSDB) e Wasny de Roure (PT). Lira (PHS) é o outro fiel escudeiro de Rodrigo Rollemberg na comissão. O Palácio do Buriti deve torcer para que a saúde do deputado de São Sebastião seja de ferro. Por que, se ele resolver sair ou adoecer, quem entra é Raimundo Ribeiro (PPS).
Quem é querida?
Uma fotografia da deputada distrital Celina Leão (PSB), em que ela segura um cartaz com os dizeres “Tchau querida” tem sido muito compartilhada nas redes sociais, nesta semana. A imagem foi feita na Câmara dos Deputados, quando os parlamentares decidiram pela admissibilidade do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff.
Barrado no baile
O deputado Wasny de Roure (PT) foi barrado na porta de uma das salas da Câmara Legislativa, “por ordem da Celina”. A justificativa do segurança que dava cobertura à reunião de alguns distritais vinha daquela que parece ainda não ter deixado o trono. O carro oficial, pelo menos, ela já entregou. 
 
BLOG DO PASTOR RONNE © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot