• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Bem Informado Ninguém é Enganado

Bem Informado Ninguém é Enganado

No Gama: Tapa-buraco do GDF é um buraco sem fundo para o dinheiro do contribuinte — I

segunda-feira, 20 de junho de 2016

www.gamalivre.com.br

Segunda, 20 de junho de 2016
O governo do Distrito Federal chora miséria. Diz que não há dinheiro para a saúde, educação, transporte público, segurança. Mas precisa o GDF ser tão ruim em coisas como nas operaçõestapa-buracos? 

Se não há dinheiro, como alega o governador, por que joga recursos fora quando executa, tão mal, esse tipo de trabalho (operação tapa-buraco)? Pagamos, nós os contribuintes, por verdadeira lambuzada. É difícil acreditar que o governo do DF seja tão incompetente assim em contratar e supervisionar, fiscalizar seria o termo mais apropriado, a execução dasoperações tapa-buracos.

Parece que a coisa é "feita na galega" e fiscalizada também "na galega".  Usar esse tipo de gíria para caracterizar o lambuzado da maioria das operações tapa-buracos vai parecer para alguns leitores uma forçada de barra no texto. Mas essa impressão certamente desaparecerá à medida que o contribuinte dê uma "passada de olhos" no resultado das operações.

Ou o Estado está consciente que contrata um serviço superficial, ruim, lambuzado, uma vergonha, ou está sendo enrolado. E o Estado ser enrolado em operações de simples tapar buracos, é uma coisa que deve preocupar o contribuinte. É tão fácil checar a execução do serviço e avaliar o resultado da operação. Imagine se a ineficiência no fiscalizar esse tipo de contrato (de tapa-buraco) se repete nafiscalização de outros serviços mais complexos?Aí é que nós pobres contribuintes estaremosfritos, roubados.

Vamos a um  caso concreto (sem trocadilho). AQuadra 36, do Setor Leste do Gama, passou um bom tempo sofrendo com os buracos e as crateras ('crateras' usadas aqui para indicar os maiores buracos). O próprio Gama Livre chegou a criticar o estado de buraqueira daquela quadra, especialmente a rua que fica atrás da comercial, que é a rua que passa pelos fundos da agência do Banco do Brasil.

Na semana de 5 a 10 de junho, por lá apareceu uma tal operação que se dizia tapa-buracos, com máquinas e homens. Esteve lá até o dia 10, segundo informações de moradores da quadra. 

O Gama Livre esteve olhando a 'obra' no dia 11 de junho, um sábado, pela manhã. Também esteve no dia 16, uma quinta, pela tarde.Algumas fotos foram tiradas e se encontram nesta postagem e nas quatro imediatamente abaixo.

As fotos indicam claramente que o serviço de tapa-buracos ali na Quadra 36 do Leste do Gama foi um serviço muito ruim. Péssimo. Aliás, a maioria dos buracos da quadra não chegaram a ser tapados. Ou o governo do DF está acreditando que "fechou" a Quadra 36? 

As imagens captadas indicam pelo menos, pelo menos, duas coisas: 

1) Serviço mal feito, mal acabado;
2) Fiscalização ineficiente do governo do Distrito Federal. Onde está o executor do contrato, é uma pergunta que insiste em não se calar. Recebeu ele o serviço? Registrou formalmente a qualidade do tapa-buracos? Assinalou o grande número de buracos não tapados? Quando fez isso? Registro lançados em que data?

Do dia 11, data das primeiras fotos, ao dia 16 de junho, quando novas fotos foram tiradas, se passaram seis dias. Achamos que nesse período o tapa-buracos voltaria à Quadra 36 para correção do serviço mal feito e para tapar os demais buracos. Vã esperança!

E o que fica de tudo isso:

1) Buracos mal tapados, sem o corte e a retirada de partes 'da beira' já comprometidas com a infiltração da água. Buracos prontos para ressurgirem em tempo não distante;

 2) A certeza absoluta de que a fiscalização doGoverno do DF sobre as operações tapa-buracos é ineficiente;

3) A indignação dos moradores e contribuintes com o pouco caso que seus impostos e taxas são tratados pelos governantes;

4) A continuidade de avarias em veículos que trafegam pelos buracos e ruas da Quadra 36 do Setor Leste; e

5) A desesperança de que a coisa mude para melhor.

Vamos então às imagens, que podem ser ampliadas com um clique:


—Esqueceram de nós aqui, em amigo buraco! Olharam para a gente e fizeram de conta que não existíamos. Que bom! Vamos continuar crescendo, e rapidinho!

Corte retangular, ou em quadrado, para tirar o asfalto ruim, nada! Não vai demorar o buraco começar a reaparecer.

Ixi!!! Coisa horrorosa! Olha a técnica de jogar dinheiro do povo fora.

Ao lado do Banco do Brasil, rua que sai na Avenida dos Pioneiros. Remendaram e deixaram essa coisa horrível aí. Esperemos as próximas águas.

Asfalto ou só quase brita?


Isso é mesmo tapa-buraco de qualidade? O GDF precisa orientar bem os executores dos contratos destes serviços no Gama, para que exijam qualidade.
 
NOSSOGAMA.COM.BR © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot