• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Bem Informado Ninguém é Enganado

Bem Informado Ninguém é Enganado

HOMEM É PRESO NO GAMA COM CEM PÉS DE MACONHA

sexta-feira, 17 de junho de 2016

Comércio era feito pela web, e produto era distribuído para todo o país. 'Não sou bandido, nem traficante, sou profissional', afirmou na delegacia.

Por: O Democrata em 16 de junho de 2016

Um homem de 52 anos foi preso na manhã desta quinta-feira (16) suspeito de plantar ao menos cem pés de maconha na casa dele, no Gama, e vender pela web sementes da planta para todo o Brasil. Segundo a Polícia Civil do Distrito Federal, ele desenvolveu ao longo de seis anos um sistema de plantio considerado “sofisticado”.
Eu só não ajudava menores de idade. De resto, mandei para o Brasil inteiro para pessoas que não queriam comprar e queriam cultivar. Eu não sou bandido, nem traficante, sou um profissional”
disse Sérgio Delvair Costa, suspeito de plantar maconha e vender sementes pela internet
Na casa do suspeito, identificado como Sérgio Delvair Costa, de 52 anos, os agentes encontraram uma estrutura com câmeras de monitoramento e um laboratório onde as sementes eram preparadas para a distribuição.
Segundo o delegado Francisco Antônio da Silva, o suspeito fazia divulgação do produto em redes sociais. Ele também mantinha um canal no YouTube em que ensina técnicas de plantio e a diferença entre as váias espécies da planta.
“Por meio de vídeos, ele incentivava crianças e jovens a convencerem os pais de que maconha era legal. Dizia também que, se não conseguissem convencer os pais, que fossem comprar as drogas nas ruas. Isso também será um agravante na hora do julgamento”, disse o delegado. “Vamos enquandrá-lo pelo cultivo e comercialização de drogas.” Ele pode pegar até 30 anos de prisão, segundo a polícia.
Na delegacia, Costa não negou que plantava maconha e vendia as sementes, mas afirmou que não vendia para adolescentes. “Eu só não ajudava menores de idade. De resto, mandei para o Brasil inteiro para pessoas que não queriam comprar e queriam cultivar”, explicou. “Eu não sou bandido, nem traficante, sou um profissional”, afirmou.
“Não escondo que uso, mas uso por motivos medicinais. Sou viciado em cannabis sim, porque ela me acalma, me deixa tranquilo. Tem 30 anos que eu uso. Depois que comecei a cultivar, minha vida mudou muito. Não tive mais envolvimento de dar dinheiro para o tráfico, minha qualidade de vida mudou. Pena que é ilegal. Agora vou envelhecer na cadeia. A lei é a lei, mesmo sendo injusta. A polícia está fazendo o trabalho dela”, afirmou, entre lágrimas.
Fonte: G1
 
NOSSOGAMA.COM.BR © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot