• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Bem Informado Ninguém é Enganado

Bem Informado Ninguém é Enganado

DO ALTODA TORRE. Millena Lopes & Francisco Dutra redacao@jornaldebrasilia.com.br

segunda-feira, 13 de junho de 2016

Procura-se um bode

No meio do tsunami de escândalos da operação Lava Jato e dos rodamoinhos das crises política e econômica, o senador Cristovam Buarque (PPS/foto) considera que o mais alarmante é a falta de uma saída, de um ponto de virada rumo a cenários melhores. “Na Alemanha eles precisaram derrubar um muro para atingir a unificação. Qual é o simbolo da nossa crise? Qual é a razão do nosso mal estar? Não basta tirar o Cunha. Não bastará tirar todos os envolvidos com a Lava Jato. Temos que colocar o bode na sala. Mas qual é o nosso bode?”, ponderou Buarque. O grande problema é que desde a gênese, a crise nacional é multifacetada. Os protestos iniciais detonados pelas tentativas de aumento de passagens de ônibus em São Paulo foram marcados pela frase: “Não é só por 20 centavos”.
Tempos diferentes
Focando nos debates brasilienses, Buarque definiu posição no embate entre taxistas e motoristas de Uber. O senador considera que os táxis precisam ser respeitados. “No futuro, o mundo, sistema de transporte caminha para algo parecido com o Uber. No presente colocar o Uber pode significar um prejuízo muito grande para uma categoria muito sacrificada que são os taxistas. Se não tomarmos os devidos cuidados, isso pode significar um sofrimento ainda maior para milhares de taxistas”, comentou o senador. Nos bastidores do GDF e da Câmara Legislativa, a discussão está intensa com fortes pressões de ambos os lados. Na análise de ambas as partes, a discussão ainda levará muito tempo para ser superada.
Dia do Pastor
Hoje é o Dia do Pastor Evangélico. E a Câmara Legislativa, onde a comunidade evangélica está fartamente representada, comemora a data. Por solicitação do deputado Bispo Renato (PR), haverá uma sessão solene na Casa, a partir das 19h,
Será que passa?
A Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara Legislativa aprovou um projeto do deputado Ricardo Vale (PT) que proíbe as festas de open bar no DF. O texto ainda tem de passar pela Comissão de Constituição e Justiça antes de ir à votação no plenário
Tem tomada!
Também está na fila da CCJ uma proposta de autoria de Agaciel Maia (PR) que obriga os shoppings do DF a oferecer pontos de recarga elétrica para equipamentos portáteis, como celulares, máquinas fotográficas, filmadores, etc.
Dudu e Erenice
O chef brasiliense Dudu Camargo estava viajando pela Ásia em um tour. Entre os demais viajantes encontra-se Erenice Guerra. Ela mesma. Considerada “braço forte” e “braço direito” da presidente afastada Dilma Rousseff, Erenice deixou o governo após ter o nome envolvido em um escândalo, enquanto capitaneava a Casa Civil. Atualmente, ela é um dos alvos de investigação na operação Zelotes. Acusado de suposto porte ilegal de dólares, Camargo foi preso em Cingapura. Com a ajuda da embaixada brasileira, o chef conseguiu ser solto.
Reconhecimento
As jogadoras de futebol feminino da rede de Ensino Certo conquistaram a medalha de ouro, na School Footbal Euro 2016. O evento escolar de porte mundial foi organizado pela International School Federation (ISF), tendo como palcos as cidades francesas de Lili e Lens. O início dessa caminhada foi em 2015, quando o colégio Certo venceu os jogos da Federação Regional do Desporto Escolar e se credenciou para o Brasileiro Escolar de Futebol Feminino da Confederação Brasileira de Desporto Escolar. Hoje o presidente da Frente Parlamentar do Esporte na Câmara Legislativa, deputado Julio Cesar (PRB) fará, no plenário da Casa, às 15h, uma sessão solene para homenagear as campeãs do DF.
Coimbra chegará sob grande pressão
O diretor de urbanização da Novacap, Antônio Coimbra assumirá a Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos com uma grande responsabilidade. A retomada das obras é uma das grandes apostas do governador Rodrigo Rollemberg para reaquecer a economia local e combater o alarmante desemprego que já atinge mais de 270 mil pessoas no DF. Por razões internas e externas, seu antecessor Júlio Peres não conseguiu concretizar esta proposta. Além disso, o Buriti lançou o programa de mobilidade Circula Brasília e se prepara para apresentar oficialmente uma série de ações para a moradia com o Habita Brasília. Ambos tem chances reais de alavancar a popularidade e reconhecimento da gestão socialista, mas dependerão de obras bem feitas
para sair do papel.
O futuro do Mané
O Superior Tribunal de Justiça Desportiva julgará hoje a interdição do Estádio Nacional Mané Garrincha. A arena foi fechada para partidas de futebol após ter sido palco de cenas de selvageria entre as torcidas de Flamengo e Palmeiras. O GDF anexou sua defesa junto com a argumentação do Flamengo, pois o time tinha o mando de campo na ocasião. Se a situação não for revertida, o DF deixará de receber partidas após Fluminese x Corinthians, marcado para 16 de julho. PS: Esse jogo só foi mantido, porque a venda de ingressos já havia começado antes do anúncio da interdição.
Reflexões sobre ódio
O massacre de ódio deflagrado na boate gay em Orlando, nos Estados Unidos, motivou o deputado federal Rogério Rosso (PSD) a levantar na internet a discussão sobre a flexibilização das regras de porte e compra de armas no Brasil. “Certamente o assunto armamento/desarmamento da população americana ganhará intensidade nessa reta final da corrida presidencial nos EUA. Aqui no Brasil temos situação muito grave onde milhares de pessoas inocentes são assassinadas todos os anos por criminosos/assaltantes/traficantes /delinquentes que utilizam ilegalmente armas de fogo para praticar esses crimes”, postou Rosso no Facebook. Enquanto nos EUA, a legislação facilita o acesso às armas, no Brasil o controle é bem mais rígido. “Dificilmente um cidadão comum consegue portar legalmente uma arma de fogo. O Congresso Nacional está debatendo esse tema e a Câmara dos Deputados discute nesse momento a flexibilização do porte de armas para a população brasileira”, ponderou. Ao final da postagem, o parlamentar perguntou para os internautas se eles concordam ou não com a flexibilização da compra e porte no Brasil. E você? O que acha?
 
NOSSOGAMA.COM.BR © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot