• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Bem Informado Ninguém é Enganado

Bem Informado Ninguém é Enganado

DO ALTO DA TORRE - JORNAL DE BRASÍLIA (20/06)

segunda-feira, 20 de junho de 2016

Dia Uber (ou não)

Em função da votação para a regulamentação do Uber, a Câmara Legislativa antecipou a reunião semanal de líderes para as 14h30 desta segunda-feira. A presidente da Casa, deputada Celina Leão (PPS/foto), solicitou apoio da Polícia Militar e do Detran para a aguardada e controversa sessão marcada para amanhã, data em que regularmente é feita a reunião das lideranças. Segundo a parlamentar, metade do plenário estará reservada para motoristas do aplicativo, enquanto a outra metade será destinada para taxistas.
Sem consenso
“Não adianta falar que temos que construir um consenso. Isso não vai acontecer nesse caso. Não vamos chegar a um denominador comum. Temos que resolver essa questão na votação da maneira mais democrática possível. E cada emenda pode melhorar ou vedar o aplicativo”, afirmou Celina. A votação do texto, que recebeu 50 emendas, será aberta. Caso ocorra alguma briga entre taxistas e condutores do Uber, a Casa será esvaziada para que os distritais possam concluir a votação.
Depois, vem a Lei do Silêncio
Antes do fim deste semestre legislativo, a Câmara planeja votar também a reformulação da Lei do Silêncio. Segundo Celina Leão, neste caso há consenso para a votação. “Já conversamos sobre isso. Os projetos dos deputados também estão encaminhados. Agora só faltam as matérias do Executivo, isso se ele encaminhar alguma coisa. Nós demos o exemplo e não adianta o governo mandar os projetos em cima da hora, pois a Câmara não vai acatar”, comentou Celina.
Homenagem garantida
O deputado Raimundo Ribeiro (PPS) se antecipou e já protocolou um requerimento de sessão solene para homenagear os atletas brasilienses que conquistarem medalhas olímpicas neste ano. Também deve ser homenageados os treinadores participarem de eventos e competições esportivas representando o Distrito Federal, bem como os jornalistas esportivos que trabalharem na cobertura destes eventos.
Dengue não!
Um projeto do deputado Cristiano Araújo (PTB) obriga o governo a utilizar placas de sinalização que não acumulem água da chuva. O objetivo, diz o deputado, é evitar que as larvas do mosquito Aedes aegypti se proliferem em água parada. O texto tramita junto com um projeto da deputada Sandra Faraj (SD) que obriga o Poder Executivo a manter as placas em locais visíveis – nas esquinas, para facilitar a localização de endereços. E dá prazo de adequação das placas já existentes de até seis meses.
Liberada para as Olimpíadas
Uma servidora da Câmara Legislativa foi liberada do trabalho, sem desconto do salário, para participar dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro, em dois períodos: 3 a 14 de agosto e 6 a 12 de setembro. Ela atuará como árbitra da competição de remo.

PPL colhe assinaturas para antecipar eleição
O PPL do ex-diretor geral do DFTrans, Marco Antônio Campanella, dedica-se agora a colher assinaturas, na Rodoviária do Plano Piloto, em apoio à proposta de emenda constitucional que pretende antecipar tanto as eleições presidenciais quanto as parlamentares. O projeto é de um senador da Rede, Randolfe Rodrigues, mas tem apoio tanto do PPL quanto de senadores do PPS, PSB e PMDB.
A esperança é a última que morre
A propósito, o PPL de Campanella não desistiu de retomar o mandato da deputada distrital Telma Rufino que, rompida com o partido, está hoje sem legenda. Derrotado no Tribunal Regional Eleitoral, o PPL bateu às portas do Tribunal Superior Eleitoral. Constatou que a jurisprudência sobre o assunto é para lá de conflitante.
Quem não deve não teme
A CPI da Saúde ainda não engrenou. No entanto, o presidente da comissão, deputado distrital Wellington Luiz (PMDB), está convencido de que o atual governo terá que prestar muitos esclarecimentos até o fim dos trabalhos. “Está havendo muito resistência do GDF. Estão colocando dificuldades para tudo, até em simples convocações de servidores. Quem não deve não teme. Deus queira que eu esteja errado, mas, para mim, esse governo vem sucateando a saúde para implantar as organizações sociais. Foi e é um governo omisso e negligente premeditadamente”, disparou.

Recursos e segurança para as escolas
O deputado distrital Bispo Renato (PR) está organizando audiências públicas para conseguir a volta da isenção das taxas de inscrição para os exames de vestibular, PAS e similares para os estudantes da rede pública. Hoje, a conversa está marcada para o Centro de Ensino 2 de Ceilândia. Enquanto a reunião estava sendo planejada, a própria comunidade escolar pediu para ampliar a discussão para outros temas, como infraestrutura e segurança.

Tá Falado
“Não dá para resolver novas questões que a modernidade nos traz com velhas fórmulas. Desta forma, qualquer legislação que produzirmos já nascerá anacrônica. Se isso acontecer, estaremos barrando a marcha do progresso de seguir seu curso.”
 
NOSSOGAMA.COM.BR © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot