• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Bem Informado Ninguém é Enganado

Bem Informado Ninguém é Enganado

Moradora de Sobradinho comemora 101 anos e ensina fórmula para viver em paz e com saúde

sexta-feira, 15 de abril de 2016


Ela revela que a receita para uma vida longa e saudável é o amor pela vida e a paixão pela família
Rosana Jesus
rosana.jesus@jornaldebrasilia.com.br
Qual é o segredo da longevidade? Valeriana Fernandes, que completou 101 anos ontem, tem a resposta. Após ter vivido mais de um século, ela revela que a receita para uma vida longa e saudável é o amor pela vida e a paixão pela família. Além disso, a paciência, uma das suas maiores virtudes, também faz parte da fórmula.
A idosa conta como é comemorar o aniversário com toda a família: "Sou muito grata à vida, não tenho do que reclamar. Ter todos eles (a família) perto de mim em uma data tão especial me deixa até sem palavras".  “Ter vivido até aqui é gratificante, e ainda espero repetir muitas e muitas festas", completa.
Seguindo a tradição, todos anos, a família comemora o aniversário como uma data sagrada. Os familiares firmam o compromisso de vir de toda parte do Brasil, como Natal, João Pessoa e Belém, e também de outros países, como Itália e Suíça. 
São quatro dias de festa. As celebrações começam   com uma missa de ação de graças. No dia seguinte, há uma comemoração mais reservada e, no terceiro, chega a vez de uma festa temática –   italiana neste ano. O último dia é  marcado por um churrasco.
Severiano Fernandes Neto, filho mais novo de Valeriana, destaca que a   longevidade é uma característica da família. E ele não poupa elogios à matriarca. "É um exemplo para todos  em todos os sentidos. Sou o herdeiro direto não   das coisas materiais, mas do caráter e ética que ela   passou para os filhos. Sempre cuidou com o maior carinho do mundo", conclui.
Valeriana perdeu o marido há cinco anos. O casamento com o primo legítimo durou  78 anos. "Acima de tudo, éramos amigos. Ele fazia tudo que eu pedia, nos dávamos muito bem", lembra.
Rotina tranquila
Valeriana tem orgulho do que viveu até aqui. "Eu gosto tanto da minha vida que não me lembro de ter reclamado dela alguma vez", orgulha-se.  Lúcida, a idosa leva um cotidiano tranquilo. "Ela acorda, toma o café da manhã e faz uma pequena caminhada no jardim perto de casa. Tem uma saúde muito boa.  
A única medicação que ela toma é para a pressão, os outros remédios são naturais", conta a neta, Reijane (ao lado da avó e de Caroline)". Ela completa que a idosa, por ser uma pessoa muito querida,  passa o dia recebendo visitas. A história da família ganhou um livro escrito por uma das netas,  no qual a avó é personagem principal.
Marido ajudou a construir a capital federal
Nascida no estado da Paraíba, Valeriana  veio para Brasília em 1963, acompanhada dos filhos e do marido, que era mestre de obras e ajudou na construção da capital. A moradora de Sobradinho é a caçula e, hoje, a única viva dos 13 irmãos. A família se multiplicou e, atualmente, Valeriana tem sete filhos, 24 netos, 49 bisnetos e 18 tataranetos. 
"Além de avó, ela é minha mãe. Foi quem me criou, e desejo que essa data se repita muitos e muitos anos", diz  Marília Fernandes. A bisneta, Samara, se emociona: "Ela é meu tudo. Se algum dia ela se for, com certeza também irá uma parte de mim". 
Homenagem
A nora de Valeriana também fala de sua importância. "Eu sou de Belém e tenho prazer de vir todos os anos para fazer essa homenagem, pois é muito importante para mim", diz Carmem Miranda.
Fonte: Da redação do Jornal de Brasília
 
NOSSOGAMA.COM.BR © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot