• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Emenda que prevê remanejamento de verbas na PCDF é aprovada

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015


Votacao na Camara aLegislativa - Paulo Cabral (60)
Além da diretoria, policiais civis sindicalizados e aprovados no último concurso acompanharam a votação
Nesta quarta-feira, 16, o plenário da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) aprovou o Projeto de Lei do Executivo que fixa o Orçamento do DF para 2016 em R$ 41,11 bilhões, incluindo o repasse do Fundo Constitucional.
Também foi aprovada a emenda proposta pelo deputado Wasny de Roure (PT), por solicitação do Sinpol-DF, que faz um remanejamento de recursos dentro do orçamento da Polícia Civil do DF (PCDF). A emenda tem o valor de cerca de R$ 130 milhões.
Com isso, abre-se uma possibilidade de negociação do Governo com os policiais civis do DF.
O Governo de Brasília havia recomendado a rejeição da emenda e, na última terça, 15, a ela chegou a ser rejeitada pela Comissão de Economia, Orçamento de Finanças (CEOF). No entanto, acabou sendo destacada em Plenário para votação em separado.
15.12.15. Votacao do Orcamento na CLDF - Paulo Cabral (1)
Emenda do deputado Wasny de Roure foi uma sugestão do Sinpol-DF
A aprovação aconteceu com um total de 18 votos favoráveis e somente dois contrários.
Essa vitória é fruto também da pressão exercida pela diretoria do Sinpol-DF e um grupo de policiais civis sindicalizados, que, nos últimos dias, acompanharam as movimentações do legislativo local e cobraram dos deputados distritais uma maior atenção para a Segurança Pública.
GOVERNO
O deputado Wasny se mostrou contrário àquela postura do governo. “Reconheço as dificuldades, mas nós precisamos ter clareza de que algumas funções de Estado são maiores que a contabilidade. A aprovação da emenda é necessária para garantir que a isonomia entre a Polícia Federal e a Polícia Civil será mantida”, afirma.
O presidente do Sinpol-DF, Rodrigo Franco, o Gaúcho, comemora a vitória, mas critica também a postura da Direção Geral da PCDF, lembrando que o sindicato enviou ofício solicitando uma reunião para tratar desse remanejamento e do reajuste da categoria, mas não obteve resposta.
“Essa briga não é apenas do sindicato, ela tem que ser comprada pela instituição. Estamos todos muito ansiosos por uma recomposição das perdas salariais que contemple todos os policiais e, para isso, é preciso que a direção geral também se envolva e defenda essa causa”, afirma o presidente do Sinpol-DF.
LOGO DO SINPOL
JUNTOS SOMOS FORTES!
 
BLOG DO PASTOR RONNE © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot