• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Bem Informado Ninguém é Enganado

Bem Informado Ninguém é Enganado

CONFRONTO / Polícia Militar usa spray de pimenta contra professores em greve

quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Docentes fecharam o Eixo Monumental, quebraram vidros e a cerca do Palácio do Buriti

SINPRO-DF/DIVULGAÇÃO
Nesta quarta-feira (11), na Praça do Buriti, os professores da rede pública do Distrito Federal fizeram mais uma aseembléia e decidiram pela continuidade da greve. Os docentes reivindicam o pagamento imediato do reajuste salarial previsto para setembro, a manutenção da jornada ampliada e a correção no valor do tíquete-alimentação. Durante o encontro, os ânimos se exaltaram e os professores invadiram a Câmara Legislativa do DF e tentaram entrar no Palácio do Buriti. Jão são 28 dias de paralisação.
Descontente com os encaminhamentos apontados pelo governo Rollemberg (PSB) em reunião na tarde de ontem, a categoria resolveu suspender a atividade para transformar a assembleia em um grande ato de protesto.
A categoria bloqueou todas as faixas do Eixo Monumental em frente à sede do Executivo, impedindo o trânsito de veículos. Cerca de 5 mil profissionais participaram do ato, segundo informações do sindicato da categoria. Os manifestantes chegaram a invadir o canteiro em frente ao Palácio, quando a Polícia Militar reagiu com gás de pimenta. O Batalhão de Choque da corporação foi acionado.
Professores também quebraram vidros e a cerca do Palácio do Buriti, sede do governo doDistrito Federal, para reivindicar o pagamento da última parcela do reajuste salarial. Policiais militares reagiram com spray de pimenta e impediram a entrada do grupo no prédio. O Batalhão de Operações Especiais da PM (BOPE) foi posicionado próximo aos professores.
Outra parte ocupou o gabinete da presidente da Câmara Legislativa, Celina Leão, e só promete sair de lá quando os parlamentares se posicionarem e intervierem junto ao GDF para resolver o impasse. Os docentes estão prontos a permanecer no local e a realizar greve de fome caso as negociações não avancem.
Às 12h, todas as faixas do Eixo Monumental em frente ao Palácio do Buriti estavam fechadas, o que causa um grande congestionamento no local.
Da redação do Alô
 
NOSSOGAMA.COM.BR © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot