• ESSA É A NOSSA SORVETERIA -Q 22 LT 49 S OESTE-GAMA
  • O NOSSO TEMPERO CONQUISTA
  • PRAÇA 02 Setor Sul Gama DF
  • SANTA MARIA NORTE AC 319

Bem Informado Ninguém é Enganado

Bem Informado Ninguém é Enganado

Redução nas administrações ganha sobrevida

terça-feira, 31 de março de 2015


Técnicos da Câmara tentarão chegar a uma redação que garanta o corte e também agrade aos parlamentares

Com a possibilidade de rejeição da proposta de enxugar o número de administrações regionais, o governo pode ganhar mais uma oportunidade para aprovar a matéria. Os deputados estudarão hoje a criação de um novo projeto, com o mesmo objetivo, só que com  redação mais aceitável pelos parlamentares. 
 Na semana passada, o  Buriti passou a reconhecer a provável derrota no projeto, que traz também a criação dos conselhos populares nas administrações. A ordem era deixar com a Câmara Legislativa o ônus de  rejeitar uma proposta que poderia trazer economia de custos. 
No entanto, a redução das administrações ganhou uma nova esperança. O líder do governo na Câmara, Júlio César Ribeiro (PRB), tentará emplacar no colégio de líderes a ideia de redigir novo projeto. A decisão foi tomada ontem, em reunião do governador Rodrigo Rollemberg com Júlio César e a presidente da Câmara, Celina Leão.
 “Chamaremos um técnico de cada liderança para chegar a um texto com mais chances de ser aprovado. Expliquei ao governador que a casa não está propensa a aprovar a proposta atual ”, afirmou.
Será criado  grupo de trabalho que deve durar pelo menos duas semanas. Isso evitaria os votos contrários até de deputados que estão na base e não seria necessário retirar a proposta que tramita no Legislativo. 
Menos poder
Ao se posicionarem contra o projeto, parlamentares chegaram a reclamar da redação criada pelo Executivo. Reduzir o número de administrações significaria uma baixa no poder de barganha, já que os parlamentares costumam preencher os cargos. Se aprovados, os conselhos populares devem ser os responsáveis por discutir o modelo de eleições  para administradores.
Saiba mais
A partir de agora, segunda-feira é dia de reunião entre o governador Rodrigo Rollemberg (PSB), a presidente da Câmara, Celina Leão (PDT) e o líder do governo, Júlio César.
A pauta da semana deve ser discutida entre os três antes de chegar à reunião do colégio de líderes da Câmara, que ocorre todas as terças, antes da sessão ordinária.
A iniciativa envolve ação preventiva, uma vez que a base de apoio de Rollemberg tem se mostrado inconstante.
Fonte: Da redação do Jornal de Brasília
 
NOSSOGAMA.COM.BR © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot